As enchentes que atingem o Rio Grande do Sul há mais de quinze dias causaram destruição em boa parte da capital gaúcha. Uma das imagens mais marcantes e tristes desse cenário é o Aeroporto Internacional Salgado Filho de Porto Alegre, que se encontra inundado. As imagens mostram como está o local, que no momento só é possível ter acesso de barco. As informações são do g1.

Continua depois da publicidade

Entre na comunidade exclusiva de colunistas do NSC Total

O aeroporto tem três andares e só o térreo foi atingido, mas o cheiro forte de alimentos começa a aparecer, na sala de embarque, no segundo piso. A água passou por cima do sistema da bacia de detenção, que funciona como proteção a alagamentos, atingiu cabos de telefonia, internet, além de equipamentos feitos sob medida para o aeroporto, como esteiras, monitores e balanças.

A água chegou próxima dos dois metros de altura, e carregou lixo, restos de comida, detritos e até bichos mortos. Enquanto o Aeroporto de Porto Alegre estiver fechado, a gestão planeja fazer até cinco voos comerciais diários da Base Aérea de Canoas. O governo elabora um plano emergencial para desviar mais de 100 voos a aeroportos da região.

— A notícia triste que nós temos é o fato de que o sistemas estão todos absolutamente prejudicados. Isto significa que o tempo necessário para recuperar na plenitude a operação do Aeroporto Salgado Filho deve ser de alguns meses — afirma o engenheiro civil Luiz Afonso.

Continua depois da publicidade

Veja fotos de como está o aeroporto

Chuvas no Rio Grande do Sul

Subiu para 147 o número de pessoas que morreram em função das enchentes que assolam o Rio Grande do Sul há duas semanas. Conforme o boletim da Defesa Civil divulgado nesta segunda-feira (13), há ainda 127 pessoas desaparecidas e 806 feridos.

No total, mais de 2,1 milhões de pessoas foram afetadas pelas chuvas. Dessas, 538.241 mil estão desalojadas e 80.826 mil foram levadas a abrigos. Dos 497 municípios gaúchos, 447 relataram problemas relacionados ao temporal. Além disso, uma morte está em investigação.

*Sob supervisão de Luana Amorim

Leia também

VÍDEOS: Resgates de animais nas enchentes do RS emocionam na internet

Como funcionam as “cidades-esponja” que podem evitar enchentes como a do RS

Rua em Gramado desmorona e moradores são retirados de casa após fortes chuvas

Destaques do NSC Total