nsc
hora_de_sc

A bola vai rolar

Governo autoriza retomada do Campeonato Catarinense

Jogos sem torcida e teste de jogadores estão entre as regras sanitárias

06/07/2020 - 18h43 - Atualizada em: 06/07/2020 - 18h56

Compartilhe

Por Márcio Serafini
Clássico Avaí x Figueirense pelo Catarinense 2020
Estadual volta após parada forçada de 115 dias
(Foto: )

O governo do Estado confirmou, nesta segunda-feira (6), o retorno do Campeonato Catarinense a partir desta semana. Os jogos serão realizados sem público e todos os jogadores e funcionários serão avaliadosa antes de cada jogo.

As regras sanitárias para a retomada do futebol profissional estão na portaria 466, assinada nesta segunda pelo secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro.

> Veja a evolução da pandemia em SC em um mapa interativo

Os clubes deverão atuar com número reduzido de funcionários. É proibida qualquer tipo de aglomeração de torcedores e torcidas organizadas. 

> Confira os locais e horários dos jogos das quartas de final

> Saiba que vai apitar o jogo do seu time nas quartas de final

> Técnico do Marcílio Dias testa positivo para coronavírus

A portaria cita também que todos os atletas e trabalhadores devem ser submetidos à avaliação antes de cada treino e jogo, limita o uso de áreas comuns e requere que avaliações médicas sejam constantes. 

A regulamentação proíbe acesso ao gramado de integrantes da imprensa que não sejam os cinegrafistas das emissoras detentoras das transmissões.

Leia a portaria na íntegra

Polícia Militar reúne torcidas organizadas

O subcomandante-geral da Polícia Militar de Santa Catarina, coronel Marcelo Pontes, se reuniu nesta segunda-feira com representantes das torcidas organizadas dos clubes de futebol. O objetivo foi apresentar as restrições aos torcedores em consequência da epidemia de Covid-19 e tirar dúvidas das associações sobre do que será permitido no retorno do Campeonato Catarinense, a partir desta quarta-feira (8).

Mais de 10 representantes das organizadas, juntamente com os comandantes dos batalhões onde há jogos oficiais, estavam presentes virtualmente, já que a reunião foi por videoconferência. O coronel Pontes apresentou as limitações oficializadas com a Portaria nº 466, da Secretaria de Estado da Saúde.

Além de não ter a presença de público nos jogos, só poderão estar nos estádios atletas, dirigentes e profissionais que trabalham diretamente com o evento, como imprensa e segurança privada. Não será permitida aglomeração no entorno dos estádios, bem como o comércio de bebidas alcoólicas e ambulantes.

Colunistas