nsc
    dc

    Infraestrutura

    Governo projeta conclusão das obras de acesso ao aeroporto de Florianópolis até março de 2020

    Trecho mais crítico, no bairro Carianos, terá acesso liberado com desvio provisório para inauguração do novo terminal do Hercílio Luz

    30/08/2019 - 15h08 - Atualizada em: 30/08/2019 - 19h01

    Compartilhe

    Clarissa
    Por Clarissa Battistella
    Acesso será garantido de forma provisória para a inauguração do novo terminal
    Acesso será garantido de forma provisória para a inauguração do novo terminal
    (Foto: )

    A conclusão das obras de acesso ao novo terminal de passageiros do Aeroporto Hercílio Luz, em Florianópolis, está prevista para março de 2020, segundo informou o secretário do Estado de Infraestrutura e Mobilidade, Carlos Hassler, nesta sexta-feira (30).

    O acesso ao aeroporto, no entanto, foi garantido para a inauguração do terminal, prevista para outubro deste ano, e ocorrerá de forma provisória: com pista bidirecional – mão dupla – em um trecho de 1,4 km, no bairro Carianos, no Sul da Ilha de SC, na Capital.

    A confirmação da conclusão das obras ocorreu após visita do Comitê Metropolitano para o Desenvolvimento da Grande Florianópolis (Comdes) ao local das obras, durante a manhã desta sexta.

    Segundo o grupo de engenheiros que acompanhou a visita do Comdes, a intenção é concluir a parte mais crítica, localizada no início da Ressacada, em até três meses, liberando as duas pistas duplas até janeiro.

    De acordo com relatório da vistoria, elaborado pelo Comdes e narrado pelo engenheiro Carlos Alberto Riederer, houve avanço na operação do governo, “principalmente no Lote 1B, que era o mais crítico e que é bem factível que possa ser utilizada uma das pistas quando da inauguração do novo terminal do Aeroporto”.

    Mapa das obras no acesso ao Sul da Ilha
    Engenheiro mostra mapa das obras no acesso ao Sul da Ilha
    (Foto: )

    Trevo da Seta

    As desapropriações nas proximidades do Trevo da Seta, no Sul da Ilha, ainda não foram concluídas. A previsão é para que as obras no local fiquem prontas em novembro deste ano. Segundo o secretário do Estado de Infraestrutura, Carlos Hassler, falta a retirada de um mercado e o recuo de alguns muros para a construção da calçada.

    — A princípio está tudo resolvido, só não conseguimos encaixar algumas questões burocráticas para execução — explicou Hassler.

    Ainda não é assinante? Assine e tenha acesso ilimitado ao NSC Total, leia as edições digitais dos jornais e aproveite os descontos do Clube NSC.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas