nsc
santa

Epidemia

Grávida de 22 anos morre vítima de dengue em Brusque

Causa da morte foi confirmada nesta terça-feira (31)

31/05/2022 - 16h46 - Atualizada em: 01/06/2022 - 07h40

Compartilhe

Bianca
Por Bianca Bertoli
Mosquito da dengue
Mosquito da dengue
(Foto: )

Uma jovem de 22 anos, grávida de 25 semanas, morreu vítima de dengue em Brusque, informou a Secretaria de Saúde do município do Vale do Itajaí. Os óbitos de mãe e bebê aconteceram no mês retrasado, mas a causa só foi confirmada nesta terça-feira (31).

> Receba notícias de Blumenau e do Vale por WhatsApp

Identificada como Ingrid dos Santos Ribeiro, a moradora do bairro Santa Terezinha começou a apresentar sintomas em 12 de março, diz a prefeitura. O quadro se agravou e ela precisou ser internada na UTI do Hospital Azambuja oito dias depois. No dia seguinte à internação, 21 de março, faleceu.

O caso era autóctone, ou seja, Ingrid contraiu a doença dentro da cidade. Por conta da gravidez, são consideradas as duas mortes no boletim da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive). No total, Brusque soma 9 perdas pela doença neste ano, atrás apenas de Joinville (15) e Chapecó (11).

Ingrid era casada, deixou amigos e familiares. O corpo foi sepultado no Cemitério Municipal Parque da Saudade.

Epidemia de dengue

Assim como Brusque, outros 60 municípios de Santa Catarina estão em situação de epidemia por conta da dengue, conforme a última atualização da Dive SC. O cenário é inédito no Estado. São 95,2 mil casos notificados, mais de 50 mil já confirmados e 77 óbitos entre suspeitos e confirmados.

O aumento na quantidade de casos é de 198%, já que, na comparação com o mesmo período de 2021, foram confirmados 16,7 mil casos de dengue.

Combate à dengue

  • Manter bem tampado tonéis, caixas e barris de água;
  • Lavar semanalmente com água e sabão tanques utilizados para armazenar água;
  • Manter caixas d’agua bem fechadas;
  • Remover galhos e folhas de calhas;
  • Não deixar água acumulada sobre a laje;
  • Encher pratinhos de vasos com areia até a borda ou lavá-los uma vez por semana;
  • Trocar água dos vasos e plantas aquáticas uma vez por semana;
  • Colocar lixos em sacos plásticos em lixeiras fechadas;
  • Fechar bem os sacos de lixo e não deixar ao alcance de animais;
  • Manter garrafas de vidro e latinhas de boca para baixo;
  • Acondicionar pneus em locais cobertos;
  • Fazer sempre manutenção de piscinas;
  • Tampar ralos;
  • Colocar areia nos cacos de vidro de muros ou cimento;
  • Não deixar água acumulada em folhas secas e tampinhas de garrafas;
  • Vasos sanitários externos devem ser tampados e verificados semanalmente;
  • Limpar sempre a bandeja do ar condicionado;
  • Lonas para cobrir materiais de construção devem estar sempre bem esticadas para não acumular água;
  • Catar sacos plásticos e lixo do quintal.

Leia também

> Um mês, três mortes e as perguntas sem respostas em torno de assassinatos em Blumenau

> O drama do homem que passou 35 dias preso por engano em SC: "Perdi minha dignidade"

Colunistas