Um homem foi condenado a 19 anos de prisão por ter matado a vítima queimada em Joinville. O crime aconteceu próximo do Parque Zoobotânico, no bairro Saguaçu, em julho de 2020. A defesa ainda pode recorrer da sentença.

Continua depois da publicidade

Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

O Conselho de Sentença Tribunal do Júri decidiu pela condenação do réu em sessão realizada nesta terça-feira (8) no Fórum de Joinville. Eles reconheceram o crime de homicídio qualificado por motivo torpe, meio cruel e com uso de força.

Segundo o processo, o réu teria obrigado a vítima a subir o morro e a agredido durante o trajeto. Na sequência, molhou o corpo do homem com gasolina e ateou fogo, causando queimaduras imediatas em 90% do corpo. Ele ficou internado por quatro dias até morrer no hospital.

O júri entendeu que o motivo do crime foi torpe, já que aconteceu por dívidas relativas a drogas que a vítima tinha com o denunciado. O réu condenado respondeu ao processo preso em Joinville.

Continua depois da publicidade

Leia também:

Homem é encontrado morto no quintal de casa abandonada em Joinville

Fuga, tiro e prisão marcam apreensão de quase meia tonelada de maconha no Norte de SC 

Falso funcionário da Receita Federal é preso após aplicar golpes em SC

Destaques do NSC Total