A semana começa com os hospitais de Blumenau à beira da lotação máxima. O Santo Antônio e o Santa Isabel, ambos com atendimento pelo SUS, informaram sobrecarga nos serviços. O Vale do Itajaí é uma das regiões de Santa Catarina com os maiores percentuais de internação adulta do Estado. A dengue e as doenças respiratórias são as principais queixas de quem chega às unidades pelo pronto-socorro.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Blumenau e região por WhatsApp

Na manhã desta segunda-feira (15), todos os leitos de UTI adulto no Hospital Santa Isabel estavam em uso e o percentual de ocupação da enfermaria era de 80%. No sábado (13) à tarde, a unidade emitiu uma nota dizendo que, conforme o Protocolo de Manchester para a Classificação de Risco, são priorizados os casos graves. O tempo de espera dos pacientes menos graves é de aproximadamente seis horas.

“Além dos pacientes que chegam diretamente à recepção, também estamos recebendo um número considerável de pacientes trazidos por ambulâncias e helicópteros, especialmente nas especialidades pelas quais o Hospital Santa Isabel é referência em Santa Catarina. Solicitamos compreensão da população”, diz um trecho na nota.

No Hospital Santo Antônio a semana começou com 90% de ocupação da UTI adulto. Na unidade de terapia intensiva neonatal todas as vagas estavam ocupadas e na pediátrica 70% dos leitos estavam em uso. Na enfermaria, o percentual era de 87%. Somente neste fim de semana, 703 pessoas buscaram o pronto-socorro para atendimento médico.

Continua depois da publicidade

“A principal procura por atendimento é a dengue, seguida por infecções agudas das vias áreas e em terceiro lugar queixas de diarreia e gastroenterite”, informou o HSA.

O Hospital Misericórdia, na Vila Itoupava, também sente a sobrecarga nos serviços de saúde. Em apenas duas horas de atendimento nesta segunda-feira, mais de 30 pacientes chegaram ao pronto-socorro. Nas internações os números também são expressivos: apenas 26% dos leitos de enfermaria estavam disponíveis no começo do dia.

Ao todo, SC já registra 144.195 casos prováveis de dengue, com 83 mortes confirmadas e outras 36 em investigação, de acordo com o Painel do governo do Estado. No Médio Vale são, ao todo, 11 óbitos oficializados, sendo oito em Blumenau, dois em Indaial e um em Brusque.

Leia mais

Idoso é assassinado dentro de casa em Blumenau e família encontra o corpo

Motos e carros “esquecidos” no pátio da Seterb vão virar sucata em Blumenau

Destaques do NSC Total