nsc

UFSC

HU de Florianópolis participa de projeto para reduzir superlotação na emergência

Profissionais recebem capacitação de especialistas do Hospital Sírio-Libanês 

13/02/2020 - 14h38 - Atualizada em: 13/02/2020 - 16h48

Compartilhe

Leandro
Por Leandro Lessa
Especialistas do Sírio-Libanês se reúnem com a equipe do HU
Especialistas do Sírio-Libanês se reúnem com a equipe do HU
(Foto: )

Uma ação busca reduzir a superlotação no setor de emergência adulta do Hospital Universitário (HU) de Florianópolis. O objetivo é melhorar os processos de trabalho, aumentar a eficiência e diminuir etapas desnecessárias.

O projeto, do Ministério da Saúde em parceria com o Hospital Sírio-Libanês, já foi implantado em 97 instituições no país. Especialistas do centro médico estiveram em dezembro do ano passado com representantes do HU com a intenção de aplicar o método chamado de Lean (enxuto, em inglês).

Para fazer parte do projeto, a instituição precisa receber ser aprovada pelos especialistas, para a equipe poder receber a capacitação. Os consultores do Sírio-Libanês vieram à Capital durante essa semana para justamente orientar os profissionais do hospital ligado à UFSC.

– O tempo que perdemos nos processos de trabalho que ainda não estão bem definidos acabam impactando na demora em atendimento e organização – disse a enfermeira chefe da emergência adulta do HU, Karina Martins Acosta.

Confira a entrevista completa para o Notícia na Manhã desta quinta-feira (13):

Leia as últimas notícias no NSC Total

Deixe seu comentário:

Últimas notícias

Loading interface... Todas de Saúde

Colunistas