nsc
an

Luto

Identificado motorista de van que morreu em acidente na BR-101 em Joinville

Vítima transportava funcionários de empresa quando colidiu em um caminhão

06/10/2020 - 10h05 - Atualizada em: 06/10/2020 - 10h07

Compartilhe

Patrícia
Por Patrícia Della Justina
Dirceu Friedemann tinha 52 anos e não resistiu aos ferimentos
Dirceu Friedemann tinha 52 anos e não resistiu aos ferimentos
(Foto: )

O motorista que morreu em um acidente na BR-101 durante a madrugada desta terça-feira (6) foi identificado. Dirceu Friedemann, 52 anos, trabalhava como motorista de transporte na modalidade fretamento em uma empresa terceirizada de Joinville, a Fratelli. Ele fazia o transporte exclusivo de funcionários da Docol. 

> Quer receber notícias de Joinville e Norte de SC por WhatsApp? Clique aqui e entre no grupo do A Notícia

Conforme a Fratelli, Dirceu trabalhava no ramo há mais de 15 anos, mas era funcionário da empresa há pouco mais de três. Ele prestava serviço durante dois períodos do dia: das 4h15 às 8h e das 11h às 16h48. No momento do acidente, Dirceu levava os funcionários da região Rio Bonito para a Docol, em Joinville. A Fratelli lamentou o acidente e informou que está prestando todo o suporte à família neste momento.  

Segundo o administrador da empresa, Paulo Possenti, a esposa da vítima informou que ele estava com pressão alta e um quadro elevado de diabetes. Por esse motivo, a família suspeita que ele possa ter tido um mal súbito. À reportagem, a PRF informou que ele apresentava sonolência momentos antes do acidente. No entanto, as causas ainda estão sendo apuradas e devem ser apontadas em um laudo a ser emitido pelo Instituto Médico Legal (IML) de Joinville. Ainda não há informações sobre velório e sepultamento da vítima. 

Colunistas