nsc
    hora_de_sc

    Juntos por Santa Catarina

    iFood intensifica ações para beneficiar mais de 130 mil restaurantes em todo o país 

    Novas medidas passam a valer a partir de abril 

    26/03/2020 - 16h46 - Atualizada em: 26/03/2020 - 16h49

    Compartilhe

    Estúdio
    Por Estúdio NSC
    iFood intensifica ações para beneficiar mais de 130 mil restaurantes em todo o país
    (Foto: )

    O iFood resolveu intensificar o seu apoio aos estabelecimentos cadastrados no aplicativo de entregas em meio aos problemas causados pelo novo coronavírus. Os decretos de fechamento do comércio, bem como o pedido de que as pessoas não saiam de casa afetaram grande parte destes estabelecimentos, ao mesmo tempo que exigiu um trabalho maior dos serviços de entrega.

    Com isso, a empresa anunciou novas medidas que passam a valer a partir do dia dois de abril. A empresa vai antecipar os recebimentos dos restaurantes sem custo adicional. Dessa forma, todo negócio que optar pelo benefício receberá seu pagamento 7 dias após as vendas durante os meses de abril e maio. A expectativa é injetar até R$ 600 milhões no mercado brasileiro em antecipações.

    O iFood destinará R$ 50 milhões de sua receita na forma de um fundo de assistência a restaurantes. Com duração inicial de dois meses (até 31 de maio, podendo ser prorrogado), a iniciativa beneficiará restaurantes parceiros de todo o Brasil, em especial pequenos e médios estabelecimentos que estão no iFood ou ainda aos que entrarem na plataforma durante o período.

    Com grande parte dos salões fechados por leis estaduais e municipais, o delivery e a retirada da comida no local se tornaram as únicas formas do restaurante operar. Por isso, o valor arrecadado pelo iFood em taxas do serviço ‘Pra Retirar’ (no qual os usuários fazem o pedido via app e retiram diretamente no restaurante) será devolvido integralmente aos restaurantes parceiros. Serão mantidas apenas as taxas de meio de pagamento do pedido.

    Além destas três novas frentes, o iFood já vinha fazendo algumas ações. Criou um fundo solidário no valor de R$ 1 milhão para dar suporte aos parceiros de entrega que necessitem permanecer em quarentena por conta da doença; disponibilizou aos usuários do app a opção ‘Entrega sem Contato’. A solução pode ser escolhida no momento de realização do pedido; e adotou o revezamento de colaboradores em suas sedes além do modelo de trabalho remoto para todos os escritórios.

    ​​​​Acesse o canal Juntos Por Santa Catarina e veja outras iniciativas como esta. ​​

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Economia

    Colunistas