Desaparecido desde o dia 3 de dezembro, em Florianópolis, o jovem Luis Felipe Meirelles Boani Paulucci, de 27 anos, foi visto na praia de Balneário Camboriú no último sábado (23). A informação foi confirmada pelo SOS Desaparecidos, da Polícia Militar de Santa Catarina. Ele fugiu após ser abordado pelos policiais.

Continua depois da publicidade

Siga as notícias do NSC Total pelo Google Notícias

Luiz já havia sido visto na cidade na última quinta-feira (21), por volta da meia-noite, no Balneário Shopping. Em Florianópolis, a última vez que ele foi visto foi quando deixou seu apartamento, no bairro João Paulo, sem seus medicamentos para transtorno de bipolaridade.

Segundo o pai, Fernando Palucci, Luis Felipe, natural de Brasília, veio passar algumas semanas em um apartamento alugado em Florianópolis, e após 15 dias, saiu de casa sem dinheiro e usando apenas a roupa do corpo. As câmeras de monitoramento flagraram o jovem em diversos locais de Florianópolis até ser visto pela última vez no Balneário Shopping, em Balneário Camboriú.

Veja fotos do rapaz desaparecido:

Continua depois da publicidade

O pai conta que essa já é a terceira vez que Luís Felipe desaparece. A primeira vez foi no Rio de Janeiro e a segunda vez em Brasília, e nas duas vezes ele foi encontrado por sorte, mas acredita que agora “a sorte o abandonou”. Fernando acredita que o filho está passando por um surto psicótico.

— Ele tem que tomar pela vida inteira um remédio chamado lítio. Quando ele está tomando o remédio, fazendo a terapia e as sessões com psiquiatra, ele consegue ser um jovem bem produtivo. Ele é muito inteligente, ele gosta da vida… foi criado num ambiente muito favorável, de classe média alta. Mas a hora que ele para de tomar o remédio, e às vezes está sozinho, acontece como agora — diz o pai.

A família de Luís Felipe conta com auxílio das pessoas caso reconheçam o rapaz ou tenham alguma informação que possa ser útil para encontrá-lo. Os telefones do SOS Desaparecidos da Polícia Militar são:

  • (48) 99156-8264
  • (48) 98843-3152
  • (48) 3665-4715

Leia também

Qual local, capacidade e custo do novo ginásio que Joinville planeja construir

Por que Joinville vai usar método criado na Austrália para modificar mosquitos da dengue

Tradicional estúdio de revelação de fotos fecha após 35 anos em Joinville: “Fim de uma era”

Destaques do NSC Total