A atleta joinvilense Letícia Oro Melo desistiu de participar da Diamond League, competição que ocorre em Roma, na Itália, a partir da próxima sexta-feira (2). Ela havia recebido o convite para participar da maior liga de atletismo do mundo, mas abriu mão por questões técnicas. As informações são do Blog Olímpico, do ge

Continua depois da publicidade

Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

No início do mês, no GP Brasil, disputado em São Paulo, Letícia ficou na terceira colocação no salto em distância com a marca de 6m37, atrás da colombiana Natalia Carolina Linares (6m39) e da brasileira Lissandra Maysa Campos (6m47). 

Naquele 10 de maio já havia uma preocupação técnica com os saltos da catarinense, que na véspera cogitou não competir na capital paulista. À época, quando conversou sobre a estreia na Diamond League, que estava por vir dali a três semanas, Letícia estava empolgada.

— É um sonho. Todos atletas querem competir a Diamond League. Estou na corrida para Paris 2024 e muito feliz. Será minha primeira Diamond. Minha expectativa é sempre grande, nesse ano quero ultrapassar a barreira dos 7 metros. Estou confiante — disse Letícia ao ge no início de maio.

Continua depois da publicidade

Em julho de 2022, Letícia saltou 6m89 para alcançar o bronze no Mundial de Oregon, nos Estados Unidos. Desde então, ela segue treinando em Joinville e com o técnico João Carlos dos Santos. Foi ele quem decidiu, antes mesmo do embarque para a Europa, há alguns dias, que ela precisava melhorar tecnicamente no ano antes de estrear internacionalmente em 2023. 

No momento, Letícia está treinando em Portugal. O retorno da medalhista às competições ainda não foi definido. Antes do bronze no Mundial de 2022, primeira grande competição internacional dela, Letícia também ficou semanas longe das pistas. 

Ainda não há definição sobre a participação da joinvilense no Mundial de Budapeste, na Hungria, em agosto.

Leia também

Paratleta de Joinville é convocado para Mundial de atletismo paralímpico em Paris

De encontro com Malala ao Mundial de Natação: atleta surda de Joinville celebra ano mágico

Feira do Livro de Joinville, que abre nesta quinta, busca mais patrocínios

Destaques do NSC Total