Maior evento literário de Santa Catarina, a Feira do Livro, de Joinville, que abre nesta quinta-feira (01) e vai até 11 de junho, já tem patrocinadores, mas segue aberta para mais captações. Por enquanto, são seis apoiadores via leis de incentivo à cultura: Tigre, Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc), Ambiental, RHBrasil, Multiplique, Univille e Colégio Bonja.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de SC por WhatsApp

Fundadora e coordenadora da feira, a empresária e escritora Sueli Brandão destaca que investir na cultura é contribuir para o desenvolvimento sustentável da comunidade. Ela agradece as empresas e instituições que já definiram patrocínio, mas destaca que outras são bem-vindas para contemplar as demandas previstas.

Nesta edição, o patrono é o industrial joinvilense Mario Cezar de Aguiar, presidente da Fiesc. Entre as autoridades que confirmaram presença nesta quinta-feira estão o embaixador de Portugal no Brasil, Luís Filipe Melo e Faro Ramos, e a adida cultural de Portugal no país, Alexandra Cristina Pinho. A escritora portuguesa Maria Inês Almeida é a convidada internacional do evento.

Em sua 19ª edição, a feira terá 50 estandes no Expocentro Edmundo Doubrawa, com 20 escritores convidados e um total de 40 escritores participantes. Abre ao público de segunda a sábado das 9h às 21h e aos domingos, das 10h às 20h. Empresas e instituições interessadas em ser patrocinadoras podem fazer contato pelo e-mail administrativo@institutofeiradolivro.com.br.

Continua depois da publicidade

Leia também

Guararapes inaugura fábrica de R$ 1 bilhão em Santa Catarina, a maior de MDF das Américas

Santa Catarina lança a Estação Inverno para impulsionar o turismo do frio 

Agro de SC alcança valor de R$ 61 bilhões em 2022 e responde por 64,4% das exportações

Destaques do NSC Total