nsc
santa

Investigação

Luciano Hang é convocado para depor na CPI da Covid

Requerimento apresentado pelo senador Renan Calheiros foi aprovado na sessão desta quarta-feira (30)

30/06/2021 - 13h18 - Atualizada em: 01/07/2021 - 07h07

Compartilhe

Talita
Por Talita Catie
Luciano Hang é um dos mais notórios apoiadores do governo Bolsonaro
Luciano Hang é um dos mais notórios apoiadores do governo Bolsonaro
(Foto: )

O catarinense Luciano Hang, de Brusque, foi convocado a prestar esclarecimentos na CPI da Covid. O requerimento apresentado pelo senador e relator da comissão Renan Calheiros, foi aprovado na sessão desta quarta-feira (30).

> Receba notícias de Blumenau e do Vale pelo WhatsApp

O objetivo dos parlamentares é investigar se o empresário – e forte apoiador do governo Bolsonaro – financiou sites e plataformas de engajamento para promover medicamentos como cloroquina e ivermectina, defendidos pelo presidente da República, mas com ineficácia comprovada no tratamento da Covid-19.

No texto do Requerimento 1033/2021, datado de 29 de junho, Renan Calheiros justifica a convocação dizendo que: “O depoimento da referida pessoa, por esta CPI é imperioso e imprescindível para o desenrolar da fase instrutória e, obviamente, para futuro deslinde das investigações”.

Na mesma sessão que foi aprovada a convocação de Hang, o empresário Carlos Wizard, apontado como integrante do chamado gabinete paralelo, prestou depoimento. Ele o catarinense se uniram para discutir estratégias para a compra de vacinas contra a covid-19.

O senador catarinense Jorginho Mello, integrante da comissão, parabenizou e agradeceu aos dois empresários pelo empenho em prol da vacinação no Brasil.

Hang e Wizard se mobilizaram para tentar comprovar vacinas
Hang e Wizard se mobilizaram para tentar comprovar vacinas
(Foto: )

Contraponto

O Santa tentou contatou com Luciano Hang, mas não teve retorno até o fechamento desta reportagem.

Colunistas