nsc
santa

Perdas

Mãe e filho morrem no mesmo dia à espera de leito de UTI Covid em Ituporanga

Eles estavam no Pronto-Socorro do hospital da cidade, no Alto Vale

16/03/2021 - 16h49 - Atualizada em: 16/03/2021 - 16h57

Compartilhe

Bianca
Por Bianca Bertoli
Não houve velório por conta do risco de contaminação. Imagem ilustrativa.
Não houve velório por conta do risco de contaminação. Imagem ilustrativa.
(Foto: )

Esta terça-feira (16) foi o dia em que Ituporanga, no Alto Vale do Itajaí, registrou o maior número de mortes na pandemia em 24 horas: quatro. Entre elas, duas da mesma família. Florentina Bennert Schroeder, 77 anos, e o filho, Vanderlei Schroeder, 44, perderam a vida por conta de complicações causadas pelo coronavírus. Eles esperavam por um leito de UTI.

> Clique aqui e receba notícias do Vale do Itajaí por WhatsApp

Mãe e filho moravam no interior de Ituporanga, na comunidade de Rio Batalha. Florentina foi internada em leito clínico do Hospital Bom Jesus na segunda-feira da semana passada, dia 8. No domingo (14) ela passou a depender de ventilação mecânica e aguardava uma vaga na UTI.

Vanderlei, que tinha Síndrome de Down, foi internado e logo intubado nesta segunda (15), e também esperava por um leito na Unidade de Terapia Intensiva. O óbito dele foi declarado pouco antes das 16h. A mãe faleceu às 7h45min. Ambos estavam no mesmo lugar, o Pronto-Socorro do hospital.

A despedida de Florentina ocorreu aos familiares mais próximos, mas sem velório por conta do risco de contaminação, na tarde desta terça-feira, na comunidade onde vivia. Informações sobre o sepultamento do filho não foram divulgadas.

Além deles, entre a noite desta segunda e tarde de terça-feira outros dois moradores de Ituporanga morreram por Covid-19: uma mulher de 62 anos e um homem de 50. No total, a cidade registra 25 óbitos desde a chegada da pandemia. 

Colunistas