Um homem suspeito de integrar uma organização criminosa foi morto em Itapema durante uma megaoperação contra o tráfico de drogas liderada pela polícia do Paraná nesta sexta-feira (8). Segundo a corporação, o criminoso teria reagido à abordagem, o que terminou com ele baleado.

Receba notícias de Rio do Sul e região por WhatsApp

Conforme informações do g1 PR, as polícias Civil, Militar e Penal do Estado vizinho se uniram para cumprir 15 mandados de prisão e 52 de busca e apreensão no Paraná e em Santa Catarina.

Para isso, a megaoperação contou com mais de 350 agentes e o apoio de equipes catarinenses. Os grupos foram nesta manhã até um apartamento no bairro Morretes, em Itapema, para prender o suspeito de integrar uma facção criminosa e cometer homicídio. Chegando ao local, ocorreu o confronto e a morte do procurado.

A Polícia Militar de Santa Catarina informou que prestou auxílio à ação paranaense no cumprimento de dois mandados de prisão e quatro de busca e apreensão em desfavor de duas pessoas no Litoral.

Continua depois da publicidade

Ainda de acordo com a instituição, a organização criminosa teria origem no Estado, mas atuação na região litorânea do Paraná, inclusive com envolvimento em assassinatos.

Outros detalhes da investigação ainda não foram revelados.

Leia mais

Morre segunda vítima de explosão com álcool em Rio do Sul: “Menina encantadora”

Destaques do NSC Total