nsc
dc

Coronavírus

Moderna pede autorização para uso emergencial de vacina contra Covid-19

Empresa americana anunciou que o imunizante tem uma eficácia de 94,1%

30/11/2020 - 09h41 - Atualizada em: 30/11/2020 - 09h44

Compartilhe

Por AFP
Moderna vai pedir autorização de emergência para sua vacina contra a covid-19 nos Estados Unidos e na Europa
Moderna vai pedir autorização de emergência para sua vacina contra a covid-19 nos Estados Unidos e na Europa
(Foto: )

A empresa americana Moderna anunciou que apresentará nesta segunda-feira (30) pedidos de autorização de emergência para sua vacina contra a Covid-19 nos Estados Unidos e na Europa, depois que resultados completos confirmaram uma alta eficácia do produto (94,1%).

> Fecam anuncia acordo para compra da vacina CoronaVac por municípios de SC

Duas semanas depois de ter anunciado uma eficácia de 94,5% com base em resultados preliminares, a Moderna afirmou que dos 196 participantes em seu teste clínico que foram infectados pela covid-19, 185 pertenciam ao grupo placebo e 11 ao grupo vacinado, com uma eficácia calculada de 94,1%. Nenhuma forma grave da doença foi registrada no grupo vacinado, após avaliação dos testes. 

A empresa norte-americana desenvolve um imunizante, em parceria com o instituto de saúde pública dos Estados Unidos, composto por trechos do material genético do Sars-CoV-2, o RNA do vírus. 

No Brasil, não há no momento nenhum acordo com a farmacêutica Moderna para compra e distribuição do imunizante.

*Com informações da Folhapress

Colunistas