O homem que tentou matar o vizinho idoso estrangulado, usando um cabo de vassoura, foi condenado a 14 anos de prisão em Itajaí. Com a intenção de roubar o dinheiro da vítima, o autor só não conseguiu consumar o crime porque outro vizinho escutou os gritos do idoso e impediu o assassinato.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Itajaí e região por WhatsApp

Apesar da condenação neste mês, o delito aconteceu em dezembro de 2020. À época, conforme denúncia do Ministério Público, o réu soube que o vizinho tinha recebido R$ 46,5 mil em espécie. Ele foi até a casa e, no momento em que a vítima estava sentada em uma cadeira de balanço, usou um cabo de vassoura para estrangulá-lo, em um ataque pelas costas. Ele teria utilizado também um pedaço de madeira e garrafas de vidro para agredir o homem na cabeça enquanto perguntava onde a quantia estava.

Outro vizinho ouviu os gritos e salvou o idoso. Para a juíza do caso, Francielli Borges Agacci, o “crime de latrocínio não se consumou por circunstâncias alheias à vontade do réu, que não conseguiu ceifar a vida da vítima para lograr êxito em encontrar o dinheiro escondido e levá-lo consigo. Ademais, inexistente qualquer indicativo de que as agressões perpetradas pelo réu em desfavor da vítima tenham ocorrido em legítima defesa, a fim de repelir injusta agressão iniciada pela vítima”.

Ele foi condenado a 14 anos e dois meses, em regime inicial fechado, além do pagamento de seis dias-multa. A decisão partiu da 2ª Vara Criminal da comarca de Itajaí. O réu foi enquadrado pelo crime de tentativa de latrocínio, com o agravante da vítima ser maior de 60 anos na data do fato e o acusado ser multireincidente.

Continua depois da publicidade

Leia mais notícias de Itajaí 

Destaques do NSC Total