nsc
dc

Troca de tiros

Morre Hello Kitty, uma das traficantes mais procuradas do Rio de Janeiro

Rayane Nazareth Cardozo da Silveira entrou em confronto com a polícia e foi baleada; ela chegou a ser socorrida, mas morreu no hospital

16/07/2021 - 15h46 - Atualizada em: 17/07/2021 - 10h42

Compartilhe

Diane
Por Diane Bikel
Hello Kitty, como era conhecida, foi morta na manhã desta sexta-feira (16)
Hello Kitty, como era conhecida, foi morta na manhã desta sexta-feira (16)
(Foto: )

Morreu na manhã desta sexta-feira (16) no Rio de Janeiro, após uma troca de tiros com a polícia, uma das traficantes mais procuradas da região Metropolitana da Capital Carioca. Conhecida como Hello Kitty, Rayane Nazareth Cardozo da Silveira chegou a ser socorrida, mas morreu no hospital.

> Quem era Hello Kitty, a traficante

Segundo informações da Polícia Militar (PM), houve uma denúncia de que uma família estaria sendo feita refém no Complexo do Salgueiro. Porém, ao chegar na comunidade, a polícia iniciou uma troca de tiros com traficantes. Entre eles, Hello Kitty e Alessandro Vieira Moura, conhecido como Vinte Anos. Ambos morreram. Rayanne era o "braço direito" de Alessandro, comandante do tráfico no local.

A comunidade é conhecida por “hospedar” traficantes procurados pela polícia, de acordo com informações da PM. Hello Kitty era investigada em pelo menos duas delegacias do Rio acusada de integrar quadrilhas. Nas redes sociais, Rayane Nazareth Cardozo da Silveira postava fotos fortemente armada com frequência. Na troca de tiros, outros três homens morreram.

*Sob supervisão de Vinicius Dias

Indo para a escola, menino de 10 anos é atropelado por motorista bêbado

Casal que fez sexo na frente de crianças é denunciado pelo MP em Jaraguá do Sul

"Morto ele está": desaparecimento de homem que entrou em viatura da PM ainda é um mistério em SC

Colunistas