Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), oito pessoas morreram nas rodovias federais de Santa Catarina durante o Carnaval 2024. O número é o dobro em comparação com 2023, quando foram registrados quatro mortes durante os dias de folia. 

Continua depois da publicidade

Siga as notícias do NSC Total pelo Google Notícias

Os dados são da Operação Carnaval 2024 feita pela PRF entre sexta-feira (9) e quarta-feira (14). Além do dobro de óbitos, as informações apontam também para a superação do número de acidentes e feridos em relação ao Carnaval do ano passado. 

Acidentes em rodovias estaduais de Santa Catarina aumentam 46% no Carnaval 2024

Em 2023, a Operação registrou 118 acidentes nas rodovias federais de Santa Catarina. Em 2024, o número foi para 167, uma variação de 41%. Em relação à quantidade de feridos, o aumento foi de 28% em comparação ao Carnaval 2023: 192 pessoas neste ano, para 150 feridos no ano passado. 

Continua depois da publicidade

O acidente mais grave ocorreu na BR-101, em São João do Sul, quando mãe e filha faleceram em uma saída de pista. As demais mortes aconteceram na BR-101 em Biguaçu, BR-282, em Rancho Queimado, São José e Ponte Serrada, na BR-470, em Indaial, e na BR-116, em Correia Pinto. Três das vítimas eram motociclistas ou ciclistas.

Mais de nove mil abordagens em seis dias 

A fiscalização da PRF realizou mais de nove mil abordagens em seis dias. Foram 499 imagens de veículos acima da velocidade e 387 motoristas ou passageiros sem cinto de segurança. 

Confira os números 

  • Imagens de veículos acima da velocidade máxima: 499
  • Motoristas ou passageiros sem cinto de segurança: 387
  • Ultrapassando em local proibido: 332
  • Motoristas dirigindo sob efeito de álcool: 246
  • Manuseando celular enquanto dirigiam: 72
  • Crianças sendo transportadas sem cadeirinha: 65

Veja fotos de movimento nas rodovias de SC no Carnaval

Continua depois da publicidade

Leia mais

SC tem 1,2 milhão de beneficiários do PIS-Pasep 2024; veja como receber

Valorização “explode” em bairro de Balneário Camboriú onde arranha-céus são proibidos

Pesquisadores perfuram camada de gelo na Antártica e fazem descoberta alarmante

Destaques do NSC Total