nsc
santa

Investigação

Mulher morta há 3 anos aparece na lista de vacinados contra a Covid-19 em Blumenau

A prefeitura abriu sindicância assim que a situação foi percebida e vai apurar o que houve

03/06/2021 - 14h20 - Atualizada em: 04/06/2021 - 06h29

Compartilhe

Talita
Por Talita Catie
Vacina teria sido aplicada em idosa que morreu em 2018
Vacina teria sido aplicada em uma idosa que morreu em 2018
(Foto: )

Uma mulher morta em 2018 apareceu na lista de pessoas vacinadas contra a Covid-19 em Blumenau. O caso foi percebido nesta quarta-feira (2) pela equipe da unidade de saúde em que a senhora era atendida enquanto estava viva.

A prefeitura emitiu comunicado informando a abertura de uma sindicância interna para apurar os fatos. A administração municipal acredita na possibilidade de que alguém tenha feito uso dos dados da mulher.

> Receba notícias de Blumenau e do Vale pelo WhatsApp

“A vacinação não teria ocorrido pelo sistema de agendamento com aplicação na Vila Germânica, mas por meio do processo de vacinação itinerante, que realiza a aplicação em pessoas acamadas e casas asilares, por exemplo”, diz a nota da prefeitura.

A Secretaria da Saúde fez um rastreamento das informações e entregou o material à Procuradoria Geral do Município para analisar o ocorrido e “apurar responsabilidade dos envolvidos, caso seja comprovado que houve adulteração ou falsificação na utilização de registros”.

O caso será comunicado também ao Ministério Público, segundo a prefeitura. A administração municipal apontou compromisso com a transparência no processo de imunização em Blumenau. Citou que é possível consultar na internet a lista com os nomes dos vacinados.

A vacinação em Blumenau

O boletim divulgado nesta quarta-feira (2), à noite, mostra 84.514 pessoas imuzadas contra a Covid-19 com a primeira dose. Até o momento, 34.174 receberam as duas aplicações. O número de pessoas atualmente em tratamento contra a doença é de 739, sendo 34 em UTI e 40 em enfermaria. Já são 529 vidas perdidas em virtude do coronavírus. 

Colunistas