nsc
    dc

    Saúde

    Mutirão no HNSC, em Tubarão, vai zerar fila de diagnóstico de câncer na região 

    Pacientes de 18 cidades serão atendidos nas sextas e sábados de agosto

    01/08/2019 - 11h00 - Atualizada em: 01/08/2019 - 11h22

    Compartilhe

    Lariane
    Por Lariane Cagnini
    (Foto: )

    Durante dez dias do mês de agosto, o Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC), de Tubarão, vai realizar o Mutirão Oncológico. A ideia é agilizar o atendimento de 123 pacientes de 18 cidades da região, via Sistema Único de Saúde (SUS), e zerar a fila por um diagnóstico de câncer. Quanto mais precoce a descoberta da doença, o início do tratamento é imediato e amplia as chances de cura.

    Os pacientes são moradores das cidades catarinense que fazem parte da Associação de Municípios da Região de Laguna (Amurel). Nas sextas e sábados do mês, três especialistas da área estarão à disposição durante todo o dia, com o apoio da equipe de Oncologia do HNSC.

    Esses 123 pacientes estão registrados no Sistema Nacional de Regulação, do Ministério da Saúde, que regula o atendimento via SUS para todas as especialidades de alta complexidade.

    Atualmente, os casos mais atendidos no Hospital são de câncer de mama, próstata, gastrointestinal, cabeça e pescoço. A médica oncologista e responsável técnica pela especialidade no HNSC, Aline de Souza Rosa, explica que o hospital tem estrutura apropriada para biópsias, tratamento com quimioterapia e cirurgias, e é referência na região para estes procedimentos.

    — Nossa intenção é zerar a fila de diagnóstico de novos casos, evitando atrasos no início do tratamento, pois sabemos que a detecção e o cuidado precoces estão diretamente vinculadas a maiores chances de recuperação dos pacientes — explica.

    Segundo dados do Ministério da Saúde, 95 dos 295 municípios catarinenses tem o câncer como principal causa de morte. Em 2018, 27.350 novos casos de câncer foram registrados no Estado, conforme dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA). Nos homens, os tipos mais comuns são o câncer de próstata, traqueia, brônquio e pulmão. Para as mulheres, as localidades mais incidentes são as mamas, cólon e reto.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Saúde

    Colunistas