nsc

    Saúde

    Nutricionista destaca a importância do cuidado na alimentação neste período de quarentena

    Atividade física também ajuda para deixar a mente saudável

    25/03/2020 - 13h53 - Atualizada em: 25/03/2020 - 19h59

    Compartilhe

    Janniter
    Por Janniter de Cordes
    Alimentação saudável em casa é fundamental de acordo com a nutricionista
    Alimentação saudável em casa é fundamental de acordo com a nutricionista
    (Foto: )

    Neste período de isolamento social, é muito natural que as pessoas que estão em casa ataquem a geladeira para se alimentar fora de hora, no momento que está assistindo um filme, um seriado ou até mesmo na hora de observar a rede social. Mas este é um momento que gera uma preocupação para os nutricionistas que querem as pessoas mais saudáveis ao término da quarentena, mas para isso é necessário que aumente o cuidado na alimentação.

    ​Em página especial, saiba tudo sobre o coronavírus

    A nutricionista Luana Wachhalz, em entrevista à CBN/Diário, deixou claro que por conta do isolamento é normal que as pessoas descontem a ansiedade se alimentando de qualquer jeito, o que é prejudicial para a saúde. “Nesse momento temos que nos preocupar com dois pontos importantes. Primeiro nos preocupar com a nossa imunidade. Estamos em uma fase de risco muito grande e também para que não se consuma alimento em excesso para que não se tenha um ganho de peso ou outro tipo de doença”, relatou a nutricionista.

    Para evitar problemas de saúde, a nutricionista destaca que as pessoas precisam detectar a diferença da alimentação física e a emocional. “A fome física é aquela que a gente sente a barriga roncar, sente uma certa fraqueza, já que o corpo está realmente pedindo comida. Já a fome emocional é aquela que a gente come por ansiedade, por medo, por preocupação, como se a gente estivesse querendo afogar nossas mágoas na comida. Então, a dica é seguir a rotina de alimentação normal e se for comer, pensar se é uma fome física ou emocional e saber se é mesmo necessário comer naquele momento”, disse Luana, que ainda fala que se for uma fome emocional, a pessoa precisa mudar o foco, procurar uma outra atividade, pois tirar o foco da comida é muito importante.

    Luana também aproveita para salientar que a rotina física é muito importante, mesmo neste período. “Rotina alimentar e física são muito importantes para deixar o corpo forte até pela questão da imunidade e também para que esta rotina de alimentação saudável de exercícios servem para nos deixar mais centrados neste momento”, finalizou.

    Ouça a entrevista com a nutricionista Luana Wachhalz

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Saúde

    Colunistas