nsc
    dc

    Alexandre Souza

    O futuro das profissões: em que investir tempo e dinheiro?    

    Profissões do futuro estão ligadas à tecnologia e às necessidades do mercado em se adaptar a nova era digital.

    20/06/2019 - 09h57

    Compartilhe

    Por Tech SC
    (Foto: )

    Quando se fala de futuro com tecnologia é comum pensarmos em robôs ou grandes tecnologias que podem substituir a mão de obra humana. Mas acredito que o futuro se faz hoje, na prática, compartilhando ideias, das pequenas às grandes coisas. Quais serão as profissões do futuro também é um assunto que volta e meia está em voga. O fato é que a maioria das profissões do futuro ainda não existe, e as que existem ainda não estão totalmente consolidadas.

    As profissões do futuro estão ligadas à tecnologia e às necessidades do mercado em se adaptar a nova era digital. O Fórum Econômico Mundial, no seu relatório anual de 2018, destacou alguma profissões que estarão em alta até o ano de 2022 e realçou também que as expectativas são positivas porque tanto as profissões que estão se consolidando, quanto as que ainda devem surgir, podem compensar os empregos em declínio.

    Os desenvolvedores de software sempre estiveram na mira dos empregadores, principalmente nos últimos anos com a necessidade de adequação das empresas aos modelos de negócio digitais. Essa profissão, assim como de desenvolvedor de aplicativos, cientista e analista de dados, devem apresentar alta demanda nos próximos anos, principalmente até 2022, como aponta o relatório.

    As áreas de inovação, marketing e vendas, e desenvolvimento organizacional, por exemplo também estarão em alta. Aponto aqui, insights para novos empreendedores: investir, procurar problemas, propor soluções nessas áreas que estão em evidência pode ser uma boa forma de começar um novo negócio alinhado com as expectativas e necessidades do mercado.

    Tech SC: fique por dentro do universo da tecnologia em Santa Catarina​​​​​​​​

    Existem ainda as áreas e profissões emergentes, o mercado procura por profissões novas e especializadas, principalmente na área de tecnologia. Serão demandados em um futuro próximo: especialistas em inteligência artificial, especialistas em machine learning, especialistas em big data, especialistas em automação de processos, analistas de segurança da informação, designers de experiência do usuário e interação homem-máquina, engenheiros robóticos, e especialistas em blockchain.

    Ressalto que se você estiver procurando áreas para atuar, recolocar-se no mercado ou investir, vale a pena pensar nessas prospecções de mercado e pesquisar quais áreas serão demandadas futuramente.

    Por Alexandre Souza, gestor do Startup SC, do Sebrae SC

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Economia

    Colunistas