nsc
    santa

    Servidores municipais

    Oitavo dia de greve tem creches com atendimento parcial em Blumenau

    Escolas estão em recesso de julho e não são afetadas, mas 27 equipes de ESF estão sem atendimento

    16/07/2018 - 10h37 - Atualizada em: 16/07/2018 - 11h23

    Compartilhe

    Por Redação NSC

    A greve dos servidores públicos municipais de Blumenau chegou ao oitavo dia nesta segunda-feira. A concentração dos profissionais continua em frente à prefeitura e, no caso de uma equipe de servidores de saúde, em frente à escadaria da Igreja Matriz São Paulo Apóstolo, onde são oferecidos serviços como aferição de pressão.

    A negociação entre as partes ainda não teve avanço após a primeira semana de greve. Houve reunião na semana passada, mas a prefeitura alega que não tem condições financeiras de atender às 24 reivindicações da pauta da categoria, que provocariam um impacto de R$ 100 milhões para as finanças da prefeitura. Já o sindicato dos servidores (Sintraseb) alega que, em ofício enviado pelo município, a prefeitura teria informado um aumento de R$ 965 mil na folha de pagamento de cargos comissionados entre 2017 e 2018, valor que já seria suficiente para ao menos repassar o 1,69% de inflação solicitados pelos servidores. Em nota na manhã desta segunda, a prefeitura informou que houve equívoco nos dados tirados do Portal da Transparência e repassados ao sindicato. Segundo a prefeitura, a informação correta é de que o gasto com comissionados passou de R$ 1,6 milhão para R$ 1,9 entre 2017 e 2018. Uma diferença, portanto, de R$ 315 mil por mês, e não R$ 965 mil, como informado inicialmente ao sindicato. Os dados corrigidos já teriam sido enviados ao Sintraseb, segundo o Executivo.

    A prefeitura informou que nesta segunda-feira 27 equipes de Estratégia Saúde da Família (ESF) estão sem atendimento. O número é o mesmo registrado na sexta-feira. Os sete ambulatórios gerais e as outras 40 equipes de ESF funcionam normalmente. Caso o morador precise de atendimento de alguma unidade de saúde fechada, a orientação é para procurar o ambulatório da região.

    As escolas estão em férias de julho e não foram afetadas pela greve nesta segunda-feira. Entre as creches, apenas 11 operam de forma parcial. Confira a relação abaixo:

    Creches com atendimento parcial

    CEI Antonio José Curtipassi

    CEI Bruno Schreiber

    CEI Hilca Piazera Schnaider

    CEI Manoela Reinert

    CEI Osvaldo Deschamps

    CEI Profª Leonides Westarb

    CEI Profª Marlise S. Theis

    CEI Profª Martinha Régis Moretto

    CEI Profª Raquel Wisintainer Soares

    CEI Profª Teresa Raquel S. de Araújo

    CEI Walter Rosemann

    ESFs sem atendimento

    ESF Adelina Manoel S. Brueckheimer

    ESF Walter Reiter

    ESF Paulo Pedro Mayerle I

    ESF Paulo Pedro Mayerle II

    ESF Nair Neves Pereira

    ESF Alfredo Hoess

    ESF Wilhelm Schurmann

    ESF Jackson Roberto Carl

    ESF Odilon de Caetano

    ESF Otto Bartsch Neto

    ESF Lothar Franz

    ESF Germano Puff

    ESF Ângelo de Caetano I

    ESF Ângelo de Caetano II

    ESF Norberto Sprung

    ESF Geraldo S. Sobrinho I

    ESF Geraldo S. Sobrinho II

    ESF Geraldo S. Sobrinho III

    ESF Armando Odebrecht I

    ESF Armando Odebrecht II

    ESF Benedito C. Rocha

    ESF Enf. Tânia Leite

    ESF Wilson Gomes Santhiago

    ESF Marli Batschauer

    ESF Maria Baumgartner I

    ESF Maria Baumgartner II

    ESF Gustavo Haase

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas