nsc
    dc

    Atenção

    Pessoas cadastradas no Pix podem ser alvo de golpistas, alerta delegado; saiba como se proteger

    Reverter uma transação após perceber o golpe pode ser mais difícil com o PIX

    09/10/2020 - 05h20 - Atualizada em: 10/10/2020 - 15h11

    Compartilhe

    Clarissa
    Por Clarissa Battistella
    Pix é a nova modalidade de transferências bancárias
    Pix é a nova modalidade de transferências bancárias
    (Foto: )

    A chegada do Pix, um sistema de pagamento instantâneo desenvolvido pelo Banco Central, trará facilidades aos usuários que desejam mais rapidez nas transações bancárias. O mesmo sistema, no entanto, também dará brecha aos golpistas virtuais, que invadem dispositivos e criam tramas para enganar suas vítimas, a fim de obter vantagem financeira sobre elas.

    > Saiba como se proteger do golpe do Whatsapp, crime virtual que tem feito vítimas em SC

    Isso, porque, segundo o delegado Luiz Felipe Rosado, titular da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática da DEIC em SC, o sistema Pix estará disponível para transações bancárias 24h por dia. Assim, se uma vítima cair em algum golpe virtual fora de horário comercial, dificilmente conseguirá reverter a transação com o auxílio necessário da agência bancária. 

    - Quando migrar para o Pix, tem que ter uma atenção redobrada, especialmente fora do horário bancário. Antes de depositar, de transferir, tenha sempre a certeza para quem está enviando o valor - orienta o delegado.

    > Sistema de pagamentos digitais Pix recebe milhões de cadastros; vantagens animam

    O receio demonstrado pelo delegado sobre a ferramenta que vai agilizar todo o processo virtual de transações bancárias - dura 10 segundos e funciona 24h por dia, sem exceções - ocorre porque, atualmente, ainda é possível contatar a instituição financeira, assim que percebeu o golpe, informar sobre o crime e solicitar que o valor seja bloqueado antes de que os suspeitos façam o saque. 

    Não caia no golpe

    Para evitar cair em golpes, o delegado deixa algumas orientações. Confira:

    - Não falar com a pessoa que está pedindo a transferência ou o depósito apenas por WhatsApp.

    - Ela irá garantir que não consegue mandar áudio ou fazer ligações, como parte da engenharia do golpe.

    - Ligue para o contato, depois que ele solicitou ajuda, mesmo que no WhatsApp a pessoa tenha garantido que não consegue receber ligações.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Polícia

    Colunistas