nsc
    dc

    Segurança

    PMs são baleados durante cumprimento de mandado de prisão em Criciúma 

    Efetivo faz buscas por autor dos disparos; três suspeitos são detidos na região

    31/03/2020 - 17h14 - Atualizada em: 31/03/2020 - 19h39

    Compartilhe

    Lariane
    Por Lariane Cagnini
    Clarissa
    Por Clarissa Battistella
    criciúma
    PMs cumpriam mandado no bairro Renascer
    (Foto: )

    Um homem de 29 anos é procurado em Criciúma após atirar em dois policiais militares na tarde desta terça-feira, 31. A PM cumpria mandado de prisão contra Fabiano de Oliveira Dozol quando ele resistiu à abordagem e atirou nos policiais. O homem conseguiu fugir para uma área de mata no bairro Renascer. As informações são do tenente coronel Cristian Dimitri Andrade, comandante do 9º Batalhão da Polícia Militar de Criciúma.

    Em relação ao estado de saúde dos PMs, o comandante informou, por volta das 20h30min, que um deles está em estado grave e o outro passa bem. A ocorrência ainda segue em andamento.

    prisao
    Fabiano Dazol, 29 anos, alvejou dos policiais
    (Foto: )

    As buscas contam com o apoio do Serviço Aeropolicial (Saer) da Polícia Civil, além de equipes de Içara e Araranguá. Um grupo do Comando de Operações Busca Resgate e Assalto (Cobra) de Florianópolis também deve reforçar as buscas.

    A polícia tem a informação de que o homem pode ter deixado a área de mata com a ajuda de cúmplices. Nesse caso, eles podem estar em um Corsa branco e um Ômega dourado, segundo Andrade. Qualquer informação que ajude na captura do foragido pode ser repassada pelos telefones 190 da Polícia Militar e 181 de Polícia Civil.

    A PM não informou por qual crime o homem está com mandado de prisão ativo, nem se ele já sofreu alguma condenação da Justiça.

    O governador Carlos Moisés da Silva abriu a coletiva de imprensa do fim da tarde desta terça, em que atualiza a situação do coronavírus, lamentando o que aconteceu com os dois policiais.

    Trio é detido em Tubarão

    Três homens foram detidos pela polícia no final desta tarde, em uma estrada secundária entre Jaguaruna e Tubarão, no Sul de Santa Catarina. Eles estavam em fuga quando foram localizados pela polícia, depois assaltarem o motorista de um automóvel Fiat/Uno, capotarem o veículo e roubarem uma motocicleta que passava pelo local do acidente.

    De acordo com o comandante do 5º Batalhão de Polícia Militar, tenente-coronel Silvio Roberto Lisboa, no primeiro momento eles eram considerados os principais suspeitos de atirar contra dois militares de Criciúma, mas ainda não foi confirmada a ligação entre o trio e o ataque que deixou os dois policiais militares feridos. No entanto, não se descarta qualquer possibilidade:

    - Dos três, um deles é de Criciúma. Os outros também não são dessa região e não tem qualquer outro registro de crime por aqui que justifique a passagem do grupo, justamente minutos depois dos tiros. Se não tivessem capotado o carro, nem saberíamos deles. Por isso, nenhuma hipótese é descartada.

    O grupo foi preso em flagrante por ambos os assaltos e conduzidos até a delegacia de Polícia Civil onde ocorre um levantamento sobre a identificação dos suspeitos e suas fichas criminais. Enquanto isso, guarnições de todas as regiões do estado auxiliam nas buscas por Fabiano de Oliveira Dozol.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Polícia

    Colunistas