Estão abertas as inscrições para o projeto “Oficinas de Vivência em Teatro – Arte para Todos”, destinadas a adolescentes e adultos com deficiência intelectual ou transtorno mental em Joinville.

Continua depois da publicidade

Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

As aulas são oferecidas pelo Instituto de Pesquisa da Arte pelo Movimento (IMPAR), e o projeto é uma realização do Governo Federal, Ministério do Turismo e Secretaria Nacional da Cultura.

Ao todo serão 30 vagas, direcionadas preferencialmente a quem é atendido ou pelo menos tenha cadastro no Núcleo de Atenção Integral à Pessoa com Deficiência Intelectual e Transtorno do Espectro do Autismo (Naipe DI/TEA), e no Serviços Organizados de Inclusão Social (SOIS), ambos serviços especializados da Prefeitura de Joinville.

Segundo o ator e professor de teatro, Robson Benta, o objetivo da oficina é promover a formação cultural e a inclusão social de pessoas com deficiência ou transtorno mental, por meio de atividades artísticas.

Continua depois da publicidade

– A arte é uma excelente ferramenta de desenvolvimento humano e inclusão social. Ela estimula a criatividade, a autonomia, a autoestima e encoraja as pessoas a realizarem atividades sociais e a se inserirem no mercado de trabalho – disse o ator  em entrevista à CBN Joinville.

As oficinas iniciam em dezembro deste ano e encerram em setembro de 2023. As aulas serão realizadas às sextas-feiras na Associação Catarinense de Ensino (ACE), com duração de 2 horas, com condução do professor Robson Benta e assistência da terapeuta ocupacional Nathielle Wougles e da psicóloga Luana Hammes. A produção executiva é de Iraci Seefeldt e a assistência de produção de Manoella Rego.

As inscrições para as “Oficinas de Vivência em Teatro – Arte para Todos” são gratuitas e podem ser feitas diretamente no Naipe DI/TEA ou no SOIS e estarão abertas até 6 de dezembro.

Ouça a entrevista completa:

Destaques do NSC Total