Você sabe qual é o clube brasileiro que mais cedeu jogadores para a seleção brasileira na história das Copas do Mundo? O ge fez a relação de todos os atletas que já representaram a seleção, separados por clubes. Na lista, o Botafogo lidera o ranking, seguido de São Paulo e Vasco.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

A lista sofrerá mudanças na próxima segunda-feira (7), data em que o técnico Tite divulgará os 26 jogadores que vão ao Catar. 

Onde fica o Catar?

Apesar dos clubes brasileiros dominarem o ranking, as equipes internacionais têm espaço desde 1990. Segundo o ge, há grande chance de o Real Madrid entrar no top-10 a partir do anúncio do Tite.

Continua depois da publicidade

Veja lista dos jogadores selecionados por clubes brasileiros

Botafogo (47)

Liderando o ranking, o clube teve 47 representantes na seleção brasileira ao longo das 21 Copas do Mundo já disputadas.

Benedicto, Carvalho Leite (2x), Nilo, Pamplona, Octacilio, Pedroza, Waldir, Ariel, Attila, Canalli, Germano, Martim Silveira, Nariz, Patesko, Perácio, Zezé Procópio, Nilton Santos (4x), Didi (2x), Garrincha (2x), Amarildo, Zagallo, Gerson, Jairzinho (3x), Manga, Rildo, Paulo Cézar Caju, Roberto Miranda, Dirceu, Marinho Chagas, Gil, Rodrigues Neto, Paulo Sérgio, Alemão, Josimar, Mauro Galvão, Bebeto, Gonçalves e Jefferson.

São Paulo (46)

Armandinho, Luisinho, Sylvio Hoffman, Waldemar de Brito, Bauer (2x), Friaca, Noronha, Ruy, Maurinho, Mauro Oliveira (2x), Alfredo, De Sordi, Dino Sani, Bellini (2x), Jurandir, Paraná, Gerson, Mirandinha, Waldir Peres (3x), Chicão, Zé Sergio, Oscar (2x), Renato, Serginho, Careca, Falcão, Müller (2x), Silas, Ricardo Rocha, Cafu, Leonardo, Zetti, Denílson, Zé Carlos, Belletti, Kaká, Rogério Ceni (2x) e Mineiro.

Vasco (35)

Brilhante, Fausto, Itália, Russinho, Leônidas da Silva, Tinoco, Niginho, Jaú, Augusto, Barbosa, Chico, Danilo Alvim, Ely (2x), Maneca, Ademir Menezes, Alfredo, Paulinho, Pinga, Bellini, Orlando, Vavá, Brito, Abel, Dirceu, Roberto Dinamite (2x), Pedrinho, Acácio, Bebeto, Bismarck, Mazinho, Tita, Ricardo Rocha e Carlos Germano.

Continua depois da publicidade

Confira os grupos da Copa do Mundo 2022

Flamengo (33)

Araken, Moderato, Domingos da Guia, Leônidas da Silva, Walter, Bigode, Juvenal, Rubens, Dequinha, Índio, Dida, Joel, Moacir, Zagallo, Paulo Henrique, Silva, Brito, Paulo Cézar Caju, Renato, Toninho, Zico (3x), Júnior, Leandro, Sócrates, Renato Gaúcho, Zé Carlos, Gilmar Rinaldi, Júnior Baiano, Zé Roberto, Juninho Paulista e Kléberson.

Fluminense (32)

Fernando, Fortes, Ivan Mariz, Preguinho, Velloso, Tim, Batatais, Hércules, Machado, Romeu, Castilho (4x), Rodrigues, Didi, Pinheiro, Veludo, Altair, Castilho, Jair Marinho, Altair, Denilson, Félix, Marco Antônio (2x), Edinho (2x), Rivelino, Branco (2x), Paulo Vitor e Fred.

Santos (24)

Pelé (4x), Pepe (2x), Zito (3x), Coutinho, Gilmar (2x), Mauro Oliveira, Mengálvio, Edu (3x), Lima, Orlando, Carlos Alberto Torres, Clodoaldo, Joel Camargo, Marinho Peres e Robinho.

Horários e tabela dos jogos na Copa do Mundo no Catar

Corinthians (23)

Brandão, Lopes, Baltazar (2x), Cabeção, Gilmar, Oreco, Garrincha, Rivelino (2x), Ado, Zé Maria, Sócrates, Carlos, Casagrande, Edson Boaro, Viola, Dida, Ricardinho (2x), Vampeta, Cássio e Fagner.

Continua depois da publicidade

Palmeiras (23)

Luizinho, Jair Rosa Pinto, Humberto Tozzi, Rodrigues, Mazzola, Djalma Santos (2x), Vavá, Zequinha, Baldocchi, Leão (4x), Ademir da Guia, Alfredo Mostarda, César, Leivinha, Luis Pereira, Jorge Mendonça, Mazinho, Zinho e Marcos.

Atlético-MG (12)

Dadá Maravilha, Toninho Cerezo (2x), Reinaldo, Éder, Luizinho, Edivaldo, Elzo, Taffarel, Gilberto Silva, Jô e Victor.

Cruzeiro (11)

Tostão (2x), Fontana, Wilson Piazza (2x), Nelinho (2x), Ronaldo, Dida, Edílson e Gilberto.

Veja o horário dos jogos do Brasil na Copa do Mundo 2022

Real Madrid (10)

Roberto Carlos (3x), Cicinho, Robinho, Ronaldo, Kaká, Marcelo (2x) e Casemiro.

Continua depois da publicidade

Barcelona (10)

Romário, Giovanni, Rivaldo (2x), Ronaldinho Gaúcho, Daniel Alves (2x), Neymar, Philippe Coutinho e Paulinho.

Roma (10)

Falcão, Aldair (2x), Cafú (2x), Doni, Juan, Júlio Baptista, Maicon e Alisson.

Inter de Milão (9)

Ronaldo (2x) Adriano, Júlio César (2x), Lúcio, Maicon, Hernanes e Miranda.

Grêmio (8)

 Alcindo, Everaldo, Batista, Paulo Isidoro, Valdo, Anderson Polga, Luizão e Geromel.

Continua depois da publicidade

Internacional (8)

Adãozinho, Nena, Carpegiani, Valdomiro, Batista, Edevaldo, Mauro Galvão e Taffarel.

Quando o Brasil ganhou a Copa do Mundo?

Paris Saint-Germain (7)

Raí, Ronaldinho Gaúcho, Maxwell, Thiago Silva (2x), Marquinhos e Neymar.

Milan (7)

André Cruz, Leonardo, Roque Júnior, Cafú, Dida, Kaká e Thiago Silva.

Benfica (6)

 Aldair, Ricardo Gomes, Valdo, Luisão (2x) e Ramires.

Portuguesa (6)

Djalma Santos (2x), Brandãozinho, Julinho, Jair da Costa e Zé Maria.

Bayer Leverkusen (5)

Jorginho, Paulo Sérgio, Émerson, Lúcio e Juan.

Chelsea (5)

David Luiz, Oscar, Ramires e Willian (2x)

Lyon (5)

Edmílson, Cris, Fred, Juninho Pernambucano e Michel Bastos.

Manchester City (5)

Fernandinho (2x), Danilo, Éderson e Gabriel Jesus

Ponte Preta (5)

 Carlos (2x), Oscar, Polozzi e Juninho

Bangu (4)

Zizinho, Zozimo (2x) e Fidélis.

Bayern de Munique (4)

Jorginho, Lúcio, Zé Roberto e Dante.

São Cristóvão (4)

Teophilo, Zé Luiz, Afonsinho e Roberto.

América (3)

Hermogenes, Joel e Brito.

Juventus-ITA (3)

Émerson, Felipe Melo e Douglas Costa.

Napoli (3)

Alemão, Careca e Henrique.

Shakhtar Donetsk (3)

Bernard, Fred e Taison.

Wolfsburg (3)

Grafite, Josué e Luiz Gustavo.

Atlético de Madrid (2)

 Dirceu e Filipe Luis.

Deportivo La Coruña (2)

Bebeto e Mauro Silva.

Guarani (2)

Amaral e Júlio Cesar.

Fiorentina (2)

Dunga e Edmundo.

Porto (2)

Branco e Doriva.

Torino (2)

Júnior e Müller.

Tottenham (2)

Gomes e Paulinho.

Ypiranga (2)

Manoelzinho e Oscarino.

Americano-RJ

Poly

Americano-RS

Luiz Luz

Arsenal

Gilberto Silva.

Athlético Paranaense

Kleberson.

Beijing Guong

Renato Augusto.

Bordeaux

Márcio Santos.

Galatasaray

Elano.

Hertha Berlim

Gilberto.

Jubilo Iwata

Dunga.

Liverpool

Roberto Firmino.

Nacional

Patesko

Olympique de Marselha

Mozer.

Panathinaikos

Gilberto Silva.

Parma

Júnior

Portuguesa Santista

Argemiro.

PSV Eindhoven

Romário.

Real Bétis

Denílson.

Reggiana

Taffarel.

Sevilha

Luís Fabiano.

Shimizu S-Pulse

Ronaldão.

Sporting

Silas.

Stuttgart

Dunga.

Toronto

Júlio César.

Udinese

Edinho.

Villarreal

Nilmar

Yokohama Flugels

César Sampaio

Zenit

 Hulk.

Histórico

Na Copa do Mundo de 1930, a Confederação Brasileira de Desportos (CBD) convocou somente jogadores que atuavam no Rio de Janeiro, por conta de um desentendimento entre dirigentes da época. 

Continua depois da publicidade

Já no Mundial de 1938, o ge considera o atacante Niginho como atleta do Vasco, embora oficialmente ele estivesse vinculado na época à Lazio, da Itália. A divergência ocorre porque, em 1935, quando o governo fascista de Benito Mussolini convocou Niginho para se juntar às tropas na Etiópia. 

Onde e quando foram disputadas as Copas do Mundo

“Sem o consentimento da Lazio, ele passou pelo Palestra Itália (atual Palmeiras) e também pelo Vasco, clube no qual estava quando foi à Copa. Porém, como foi apontado como desertor e ainda estava vinculado ao clube italiano, o jogador nem sequer pôde atuar no Mundial” diz a reportagem do ge.

 Na Copa do Mundo de 1934, há registros que apontam Luiz Luz como jogador do Peñarol. No entanto, Napoleão de Almeida, historiador da CBF, afirma que o Brasil só foi ter atletas que atuavam no exterior em um Mundial a partir de 1982. 

Leia também

Pogba, uma das estrelas da seleção da França, está fora da Copa do Mundo

Continua depois da publicidade

Flamengo tem cinco jogadores pré-convocados para Copa do Mundo no Catar

Destaques do NSC Total