A pesca da tainha já rendeu mais de 14 mil pescados em Florianópolis desde a abertura oficial, no dia 1° de maio. De acordo com o “Tainhômetro”, ranking da prefeitura da cidade, o Pântano do Sul, no Sul da Ilha, é a praia da Capital que lidera, até a manhã desta segunda-feira (13), a quantidade de peixes capturados desde o início da temporada .

Continua depois da publicidade

Entre na comunidade exclusiva de colunistas do NSC Total

O “Tainhômetro” monitora em tempo real e reúne dados da pesca da tainha na capital catarinense. Segundo o painel, a praia de Florianópolis que mais contabilizou pescados em 2023 foi a Lagoinha do Norte, no Norte da Ilha, com 61.189 mil tainhas capturadas. 

Tainha: maneira antiga, artesanal e coletiva de se pescar

Neste ano, a Praia do Pântano do Sul já pescou 7.123 tainhas desde o início da temporada. A Barra da Lagoa, no Leste de Florianópolis, ocupa o segundo lugar, com 4.582 tainhas pescadas. Em seguida, a Praia de Naufragados, no Sul da Ilha, com 698 e Jurerê, no Norte, com 590. O total de tainha pescada até o momento, na Ilha, é de 14.309. 

Continua depois da publicidade

Veja o ranking atualizado nesta segunda-feira (13) 

  1. Pântano do Sul – 7.123 tainhas 
  2. Barra da Lagoa –  4.582 tainhas
  3. Naufragados – 698 tainhas 
  4. Jurerê – 590 tainhas 
  5. Lagoinha – 445 tainhas
  6. Galheta – 300 tainhas 
  7. Ingleses – 250 tainhas 
  8. Campeche – 13 tainhas 
  9. Cachoeira do Bom Jesus – 94 tainhas
  10. Lagoinha do Norte – 55 tainhas
  11. Praia do Forte – 42 tainhas 

Confira as fotos da pesca da tainha em Florianópolis

Pesca da tainha 2024

A temporada da pesca da tainha em Santa Catarina começou no dia 1° de maio em Santa Catarina para a pesca na modalidade de arrasto de praia. No 15 de maio começa a modalidade de emalhe, e a partir de 1º de junho, fica permitida a pesca industrial.

O primeiro cerco registrado foi feito na Prainha da Barra da Lagoa, comandado pelos proprietários das canoas e pontos de pesca, Leandra e Nei. No local foram pescados 683 peixes.

Continua depois da publicidade

Cotas para pesca da tainha 2024

  • Emalhe anilhado – 586 toneladas
  • Cerco/Traineira – 480 toneladas (50 toneladas por embarcação)

Períodos de pesca da tainha 2024

  • Emalhe costeiro superfície até 10 AB – 15 de maio a 15 de outubro
  • Emalhe costeiro superfície acima 10 AB – 15 de maio a 31 de julho
  • Desembarcada ou não motorizada – 1° de maio a 31 de dezembro
  • Emalhe anilhado – 15 de maio a 31 de julho
  • Cerco/traineira – 1° de junho a 31 de julho

Leia mais

SC celebra o início da temporada da pesca da tainha

Aumento da cota da tainha fica abaixo do esperado e frustra pescadores em SC

Pesca da tainha e os problemas ambientais: entenda por que portaria proíbe atividade em SC

Destaques do NSC Total