nsc
an

Evento

Rua do Lazer reúne comunidade neste domingo em Joinville

"AN" convidou pessoas a deixarem o carro em casa e se deslocarem até o evento de bicicleta, ônibus, patinete ou skate

29/09/2019 - 12h29 - Atualizada em: 29/09/2019 - 12h30

Compartilhe

Hassan
Por Hassan Farias
Rua ficou fechada para os carros e aberta para o público
Rua ficou fechada para os carros e aberta para o público
(Foto: )

Famílias e grupos de amigos de diferentes bairros da cidade escolheram um mesmo local para passar a manhã deste domingo em Joinville. A sempre movimentada avenida Hermann August Lepper deu espaço para bicicletas, skates, patinetes, jogos, brincadeiras e caminhadas em mais uma edição da Rua do Lazer.

Neste fim de semana, o "AN" se juntou ao evento e promoveu uma ação para incentivar a comunidade a deixar o carro em casa e ir para o evento com outros meios de transporte, como o ônibus, a bicicleta, o skate ou o patinete, por exemplo. A iniciativa faz parte do projeto Joinville que Queremos sobre mobilidade.

Rafael e Marina com a pequena Alice
Rafael e Marina com a pequena Alice
(Foto: )

O casal Marina Danielle Antão e Rafael Altarugio Godoy resolveu deixar o veículo em casa e sair para passear de bicicleta. Eles colocaram a filha Alice, de um ano e nove meses, na cadeirinha de uma das bikes, e a levaram até a Rua do Lazer para ter contato com outras crianças.

— Geralmente, viemos uma vez por mês aqui e a maioria é de bicicleta. Moramos a menos de um quilômetro, então o trajeto é mais fácil e gostoso para fazer de bike — conta Marina.

Segundo o pai, a família gostaria de usar a bicicleta para se locomover com mais frequência no dia a dia, mas acaba usando para lazer. A pequena Alice já se acostumou em sair para o passeio com os pais. Ela costuma pegar o capacete em casa e pedir para andar de bicicleta com a família.

Tiago e Michele com o filho Joaquim
Tiago e Michele com o filho Joaquim
(Foto: )

Outra criança que teve o espaço da Rua do Lazer para brincar e se divertir foi o Joaquim Fukuda, de quatro anos. A mãe Michele e o pai Tiago levaram o menino para andar de patinete e precisaram ter fôlego para acompanhá-lo.

— É bem comum virmos no domingo porque é mais seguro com a rua fechada para as crianças brincarem sem problema ou risco de acidentes. É bom para o Joaquim para brincar e também ver as outras crianças brincando — explica a mãe.

Bicicletas personalizadas carregavam as crianças para o passeio pela rua
Bicicletas personalizadas carregavam as crianças para o passeio pela rua
(Foto: )

Bicicletas diferentes chamam a atenção

Uma das atrações que chamaram a atenção das famílias durante a manhã deste domingo foram algumas bicicletas diferentes que circulavam pela rua. Um delas tinha um segundo banco para levar a criança atrás e outra tinha uma espécie de carrinho rebocado onde era possível levar alguém sentado de maneira mais confortável.

O pintor Sandro Machiniski era um dos envolvidos na iniciativa. Ele faz parte de um grupo de amigos que se reúne para fazer acampamentos e sempre aos domingos também leva essas opções de divertimento para a Rua do Lazer. Eles acabam disponibilizando um pouco do tempo para dar alegria às crianças, carregando-as nas bicicletas diferenciadas.

— A gente aproveita que aqui tem um espaço bom, fechado para os carros, para trazer essas bicicletas e brincar com as crianças. Muita gente participou com a gente aqui hoje — conta.

Uma das atividades realizadas durante o evento
Uma das atividades realizadas durante o evento
(Foto: )

Edição para incentivar atividades físicas e hábitos saudáveis

A rua Hermann Lepper foi fechada às 8 horas e o evento se estendeu até meio-dia, mas a rua permanecerá fechada até às 17 horas para quem quiser continuar aproveitando o espaço. O evento acontece todos os domingos, mas neste fim de semana teve uma temática um pouco diferente.

Além das atividades recreativas e esportivas, foram várias atrações com o objetivo de trabalhar a prevenção de doenças e incentivar a qualidade de vida, além de hábitos alimentares mais saudáveis.

As pessoas puderam caminhar e andar de bicicleta, skate ou patinete. Também houve um cantinho infantil com brincadeiras; aula de zumba; e atividades esportivas, como mini futebol, mini tênis, badminton, xadrez, tênis de mesa, vôlei, karatê, judô e ginástica artística.

O Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional deu orientações sobre a importância da alimentação adequada para manter uma boa saúde. Também houve palestra sobre atividades físicas e saúde, reforçando o risco do sedentarismo para o aparecimento de doenças. E ainda teve distribuição de pães de queijo e orientações sobre os cuidados com os dentes.

Colunistas