nsc

publicidade

Lista de espera

Secretário confirma verba para pavimentação de 14 ruas por mutirão em Blumenau

No último ano, nenhuma pavimentação foi iniciada pelo programa Pavimenta Ação

06/05/2019 - 10h10

Compartilhe

Gabriel
Por Gabriel Lima
pavimentação blumenau
Sem dinheiro do poder público, moradores financiaram todas as obras de pavimentação nos últimos meses
(Foto: )

Os moradores que optaram por permanecer na fila de espera do Pavimenta Ação voltarão a ser atendidos a partir deste ano. Conforme o secretário Edson Brunsfeld, a prefeitura está preparando a documentação para abrir uma licitação e calçar ou asfaltar as 14 ruas pelo sistema de mutirão.

O secretário explica que seis vias dessa lista chegaram a ser licitadas e estavam aguardando a ordem de serviço para início das obras, mas o processo foi cancelado por defasagem no preço do asfalto. Os moradores dessas ruas atingiram a meta de valor exigido em 2014 e desde lá aguardam pela contrapartida do poder público.

Desde que o decreto 11.671 entrou em vigor, em março de 2018, nenhuma pavimentação pelo sistema de mutirão foi iniciada, apenas três vias que estavam em obras tiveram o trabalho concluído. Brunsfeld explica que a demora ocorreu porque a prefeitura estava com problemas de arrecadação e não tinha dinheiro para pagar a sua parte. Como o Executivo conseguiu um empréstimo, teria dinheiro para pagar os trabalhos.

Além da pavimentação de 14 vias, a prefeitura também abriu licitação para elaboração dos projetos de engenharia de outras 80 ruas que aguardam o Pavimenta Ação. O objetivo é adiantar a situação dessas vias para que as obras possam ser executadas quando houver mais dinheiro em caixa.

A lista de espera do Pavimenta Ação, inclusive, diminuiu 41% após o decreto, passando de 73 para 43 ruas. Contudo, não significa que todas aderiram ao novo modelo. Conforme o município, oito dessas vias estão incluídas no decreto, enquanto 26 apenas desistiram de esperar pelo sistema de mutirão — sendo que em 15 casos o valor dos moradores já estava pago integralmente há anos.

Há outras quatro ruas que, mesmo faltando apenas a ordem de serviço para o início das obras, foram retiradas da lista por escolha dos moradores. Em dois casos optou-se por aderir ao decreto, enquanto as demais vias não estão incluídas em nenhum modelo de pavimentação da prefeitura.

Deixe seu comentário:

publicidade