nsc
santa

Negócios

Dinheiro de volta: veja como sua empresa pode se beneficiar dessa estratégia

Sistema de recompensa é bastante adotado por grandes lojas virtuais e traz vantagens para lojas físicas de comércios locais

07/07/2021 - 15h59 - Atualizada em: 07/07/2021 - 16h03

Compartilhe

Estúdio
Por Estúdio NSC
Em tradução livre, cashback significa “dinheiro de volta”, e a estratégia funciona como um sistema de recompensas
Em tradução livre, cashback significa “dinheiro de volta”, e a estratégia funciona como um sistema de recompensas
(Foto: )

Um levantamento realizado no último ano pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) demonstrou que o Brasil tem quase 6,5 milhões de estabelecimentos comerciais, destes, 99% são classificados como pequenas empresas. Juntas, as pequenas empresas brasileiras responderam por 30% do PIB do país em 2020.

Embora pareçam números animadores, nem todos os pontos relativos às pequenas empresas são positivos. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a cada dez empreendimentos de pequeno porte abertos no Brasil, seis fecham as portas com menos de cinco anos de atividade.

A ausência do fluxo de caixa é, para 50% das micro e pequenas empresas que entram em falência, a principal razão do insucesso. No fim de 2020, uma pesquisa feita pelo Sebrae com dez mil micro ou pequenos empreendedores mostrou que, para 24% dos empresários entrevistados, as principais dificuldades encontradas no dia a dia para a abertura e a manutenção de um negócio são: conquistar novos clientes, realizar as primeiras vendas e fidelizar os consumidores.

> Como o cashback pode ajudar a aumentar o faturamento da sua empresa

Contra isso, os comerciantes locais devem se valer de estratégias já testadas e que vêm dando certo para as grandes marcas nacionais, multinacionais, de lojas físicas e/ou e-commerce. Investir em ferramentas que melhorem a experiência do consumidor é uma das chaves do sucesso. No marketing, a experiência do usuário foi batizada em inglês – “customer experience” (CX) –, e se constrói com base em três pilares: esforço, emocional e sucesso.

Segundo o Relatório sobre Tendências para a Experiência do Cliente da Zendesk 2020, 75% dos entrevistados afirmaram que investiriam mais para comprar de uma empresa que ofereça uma boa experiência. Para consumidores entrevistados pela Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC), promoções ou sistemas de recompensa por compra (cashback) estão entre as estratégias mais desejadas: 48% dos consumidores realizaram pelo menos uma compra utilizando cashback no último ano.

Afinal, o que é cashback e quais vantagens ele oferece?

Em tradução livre, cashback significa “dinheiro de volta”, e o nome explica como ele funciona. Trata-se de um sistema de recompensa em que o consumidor recebe parte do valor investido em uma compra como desconto na próxima compra, crédito para ser utilizado em outros estabelecimentos que fazem parte de um clube de desconto, resgate do valor em produtos ou serviços etc. As definições de cashback podem variar de acordo com cada programa ou estabelecimento.

> Cashback tem feito diferença para marcas que enfrentam a pandemia

A Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo acredita que o cashback é uma ferramenta com grande potencial a ser explorado pelas empresas, tanto como estratégia para incrementar as vendas quanto para conquistar novos clientes e fidelizar os antigos. Segundo a SBVC, 45% dos consumidores afirmam que podem se tornar fiéis a marcas que oferecem esse tipo de desconto.

Para as pequenas empresas, o cashback, além de melhorar as vendas, agrega valor à marca, pois traz inovação e demonstra investimento em tornar a compra uma experiência mais agradável.

Para a comunidade, é uma ferramenta importante, pois, dependendo do programa utilizado, o cashback ajuda a fomentar os negócios a nível regional, fortalecendo a economia local.

Inovação movimenta comércio de municípios da região metropolitana do Vale do Itajaí

Com a plataforma da Nível Cashback, milhares de empresas, incluindo comerciantes dos municípios de Timbó e Indaial (em SC) vêm atraindo consumidores e incrementando as vendas. Já os clientes podem utilizar o crédito em lojas regionais credenciadas, pagar boletos, fazer recarga de celular, pagar serviços como Uber e Netflix, transferir para um amigo e, ainda, sacar dinheiro após atingir determinado valor.

O aplicativo possui também diversas lojas on-line credenciadas a dar cashback e está expandindo os negócios para promover o crescimento e aumentar a competitividade de pequenas empresas. O serviço dispensa o uso de máquinas, é fácil de ser utilizado e toda a transação é realizada de forma rápida e segura.

Para dar mais autonomia e contemplar empresas dos mais diversos nichos de produtos ou serviços – lojas de vestuário, restaurantes, sapatarias, distribuidoras de bebidas etc. – a Nível criou uma tabela de cashback mínimo por nicho de negócio, e a partir desse mínimo, cada empresa tem a liberdade para utilizar o percentual que achar melhor, podendo, inclusive, utilizar a ferramenta para realizar promoções, substituindo os descontos e valorizando seu produto.

Para conhecer todos os benefícios que a Nível Cashback oferece à sua empresa, acesse o site.

Leia também

Frio abaixo da média e chance de neve: veja como será o inverno 2021 em SC

Google anuncia programa para ajudar vendas de pequenos negócios na web

Lari Cel: Larissa Manoela lança próprio chip e operadora de celular

Colunistas