nsc

    Tênis feminino

    Sorteio decide confrontos entre Brasil e Alemanha pela Fed Cup, em Florianópolis

    Jogos serão realizados no estádio Guga Kuerten, no Costão do Santinho 

    05/02/2020 - 14h03 - Atualizada em: 05/02/2020 - 14h04

    Compartilhe

    Leandro
    Por Leandro Lessa
    Equipe do Brasil treina para o confronto da Fed Cup contra a Alemanha, em Florianópolis
    Equipe do Brasil treina para o confronto da Fed Cup contra a Alemanha, em Florianópolis
    (Foto: )

    Nesta quinta-feira (6), a partir de 11h30, será realizado o sorteio que vai definir os confrontos da disputa entre Brasil e Alemanha, pelas qualificatórias da Fed Cup, a Copa do Mundo do tênis feminino. Os jogos vão acontecer nesta sexta (7) e sábado (8) no estádio Guga Kuerten, no Costão do Santinho, em Florianópolis.

    - A escolha do local passa por uma decisão da nossa capitã Roberta Burzagli com as outras jogadores, partindo das condições técnicas ideias para a performance delas. Neste contexto, foi escolhida uma quadra de saibro aberto, a nível do mar - destaca o presidente da Confederação Brasileira de Tênis (CBT), Rafael Westrupp.

    A Alemanha é considerada favorita, mesmo sem ter as duas melhores no ranking - Angelique Kerber (20ª) e Julia Görges (35º). Para que a torcida seja uma força a mais para o Brasil, será cobrado somente um quilo de alimento não perecível para ingressar às arquibancadas. A arrecadação será revertida para uma entidade social.

    O duelo é melhor de cinco partidas. São dois jogos de simples na sexta, a partir das 12h, com outros dois de simples e o confronto de duplas (se necessário) no sábado, a partir das 10h30.

    A equipe brasileira terá nomes como Teliana Pereira, campeã do WTA em Florianópolis em 2015, além de Carol Meligeni e Luísa Stefani, medalhas de bronze nas duplas nos Jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru, ano passado. A principal ausência é de Bia Haddad, que está provisoriamente suspensa pela Federação Internacional de Tênis por violar código antidoping.

    A Fed Cup mudou de sistema em 2020. Os oito times que vencerem os confrontos deste fim de semana avançam para a fase final, se juntando a França (a atual campeã), Austrália (segunda colocada em 2019), República Tcheca (convidada) e Hungria (país anfitrião). O torneio será realizado em Budapeste, entre 14 e 19 de abril.

    Ouça a entrevista com Rafael Westrupp, presidente da CBT, durante o Notícia na Manhã, com Mário Motta:

    ​Mais notícias sobre tênis no NSC Total

    Colunistas