Um homem de 35 anos, suspeito de abastecer uma facções criminosas com fuzil e outras armas de fogo, foi preso pela Polícia Civil de Joinville durante uma operação na manhã desta segunda-feira (24) em Curitiba (PR). Conforme apontam as investigações, o armamento era utilizado pelos criminosos para cometer assaltos e outros crimes em território catarinense.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

De acordo com o delegado Murilo Batalha, da Divisão de Investigação Criminal (DIC), a polícia chegou ao homem após uma apreensão de armas que ocorreu em novembro do ano passado na BR-101, em Joinville. À época, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) interceptou o veículo que seguia em direção a Florianópolis e encontrou diversas armas em um fundo falso do carro.

Na ocasião, foram apreendidos um fuzil, seis pistolas, 534 munições e 24 carregadores de diversos calibres, além de três rádios comunicadores. O motorista do veículo, de 31 anos, responsável pelo carregamento, foi preso.

Ainda segundo Batalha, o armamento é de origem ilícita e tinha como origem diversos países, como República Tcheca, Áustria, Croácia, Argentina e Brasil.

Continua depois da publicidade

O preso, que estava escondido na cidade paranaense, foi encaminhado pra DIC de Joinville e, em seguida, será levado para o presídio da cidade. Além deste mandado de prisão preventiva, outras dois investigados por desviar armas para organizações criminosas e mais apreensões devem ser cumpridas ainda nesta segunda-feira. A polícia do Paraná auxilia na operação.

Apreensão de armas em novembro

No dia 17 de novembro de 2022, um homem de 31 anos foi preso em flagrante por transportar um carregamento de armas na BR-101, em Joinville. Com ele, havia um fuzil, seis pistolas e mais de quinhentas munições.

De acordo com a PRF, o homem saiu de Maringá (SP) com uma caminhonete com placas de São Pedro (SP) e tinha como destino Florianópolis. Após ser questionado por policiais, ele não soube explicar os motivos da viagem.

A PRF, então, vistoriou o carro e encontrou o armamento em um fundo falso do automóvel. À época, o motorista, que não tem passagens criminais, foi preso e encaminhado à Polícia Civil de Joinville.

Continua depois da publicidade

Leia também

Mulher chama polícia e acaba presa por roubo em Jaraguá do Sul

Cinco suspeitos de assalto a banco são presos em dez dias pela polícia de Joinville

SC passa a ter 3 cidades entre as 5 com imóveis mais caros no Brasil

Destaques do NSC Total