nsc
an

Abuso sexual

Suspeito de estuprar adolescente durante rituais em Joinville é alvo de operação da polícia

A Polícia Civil também encontrou um pássaro silvestre mantido ilegalmente em uma gaiola

22/02/2022 - 11h41

Compartilhe

Isadora
Por Isadora Nolf
Caso de polícia em Joinville
Itens encontrados durante a operação serão úteis na investigação
(Foto: )

A Polícia Civil de Joinville cumpriu, na manhã desta terça-feira (22), um mandato de busca e apreensão na casa de um homem de 42 anos, investigado pelo estupro de uma jovem de 16 anos. A operação foi feita pela Delegacia de Proteção a Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (Dpcami) de Joinville, em parceria com o Núcleo de Operações com Cães.

> Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

As investigações apontam que o suspeito teria mantido uma relação amorosa com a vítima e, durante este período, praticado uma série de atos sexuais violentos e sem o consentimento da adolescente. Os atos ocorreriam durante rituais citados pela polícia como de "magia negra".

Após o término da relação, o suspeito ainda teria estuprado a jovem outra vez. A equipe de oficiais recolheu diversos itens de interesse para a investigação da casa do suspeito, dentre eles seu celular. 

Também foi encontrado um pássaro silvestre mantido ilegalmente em uma gaiola, considerado crime conforme o art. 29 da Lei de Crimes Ambientais, por isso, ele foi detido em flagrante. A Dpcami de Joinville segue conduzindo as investigações dos crimes.

Leia mais:

Vizinho suspeito de estuprar e engravidar menina de 11 anos em São Francisco do Sul é preso

Ex-assessor de Pazuello indiciado em SC é investigado por dois estupros; entenda

Colunistas