nsc
dc

Pandemia

Trump adverte que quarentena prolongada pode "destruir” os Estados Unidos 

Presidente dos EUA demonstra receio com economia  

24/03/2020 - 20h55

Compartilhe

Redação
Por Redação DC
Trump avalia afrouxar quarentena nos Estados Unidos para evitar prejuízo na economia por causa de coronavírus
Trump avalia afrouxar quarentena nos Estados Unidos para evitar prejuízo na economia por causa de coronavírus
(Foto: )

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, defende a ideia de relaxar a quarentena pelo coronavírus no país. Nesta terça-feira (24), ele disse que tais medidas podem “destruir” a economia americana.

- Muitas pessoas concordam comigo. Nosso país não foi projetado para fechar. Pode destruir um país dessa maneira, fechando-o - falou.

​Em site especial, saiba tudo sobre o coronavírus

Na entrevista concedida à Fox News, o presidente americano disse que na próxima semana vai avaliar as medidas de isolamento social com reflexo na economia.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) alertou que os Estados Unidos deve ultrapassar em breve a Europa em quantidade de casos do novo coronavírus e se tornar um novo epicentro do civd-19. Um relatório da entidade na última segunda-feira apontou que o país dobrou o números de pessoas contaminadas e de mortes.

Nesta terça-feira, de acordo com dados divulgados pela Universidade Johns Hopkins, dos Estados Unidos e que compila informações sobre a doença em todo o mundo, o país da América do Norte tem 53,7 mil casos confirmados da doença e 706 mortes (até às 22h desta terça-feira). A Itália soma quase 70 mil infectados e 6,8 mi óbitos.

Colunistas