O Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina (TCE-SC) recomendou que a prefeitura de Florianópolis interdite de forma imediata ou reduza a passagem de veículos pesados do viaduto John Kennedy, na cabeceira continental da Ponte Hercílio Luz. Isso porque, segundo o órgão, a estrutura tem risco de romper.

Continua depois da publicidade

Siga as notícias do NSC Total pelo Google Notícias

A recomendação do TCE se deu após análise de um laudo apresentado no relatório bimestral, referente aos meses de fevereiro e março de 2024, pontuar alertas do risco de rompimento. No fim de abril, o órgão já havia solicitado relatórios e projetos de elevado.

O órgão estipulou um prazo de cinco dias para que a Secretaria de Infraestrutura da Capital tome providências para garantir a segurança dos usuários e também para apresentar novo cronograma, com redução de prazo, para o projeto de recuperação da estrutura, que atualmente está previsto para setembro deste ano. 

Prefeitura diz não ter recebido recomendação

Por nota, a prefeitura de Florianópolis, por meio da Secretaria de Transportes e Infraestrutura, informou que ainda não recebeu oficialmente a recomendação. O governo municipal citou também que já está fazendo o projeto de recuperação estrutural do viaduto e que faz vistorias periódicas pra acompanhar a situação, “garantindo que não há risco”.

Continua depois da publicidade

A comunicação ainda confirmou que a previsão da obra de recuperação ainda é setembro.

Leia também

Casal vive tarde de terror após dupla armada invadir casa em SC

Megaoperação contra o tráfico de drogas mira criminosos que emitiam ordens de presídio de SC

Assassinato de jovem no Sul de SC pode ter relação com tráfico de drogas

Destaques do NSC Total