nsc
dc

Investigação

Vice-prefeito de cidade do Meio-Oeste de Santa Catarina é preso pela Polícia Civil

Processo está sob segredo de Justiça, por isso delegado não passou motivo da prisão temporária

02/03/2018 - 08h40

Compartilhe

Por Redação NSC

Agentes da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (Deic) da Polícia Civil prenderam temporariamente na quinta-feira, 1º de março, o vice-prefeito de Monte Carlo, cidade do Meio-Oeste de Santa Catarina. Almir Colombo (PC do B) foi preso em casa durante a manhã, segundo o diretor da órgão, delegado Anselmo Cruz. Como o processo está sob segredo de Justiça, ele não divulgou o motivo do cumprimento da medida.

Outra pessoa investigada também foi presa. A polícia, porém, não informou a identidade dela. O vice-prefeito também foi detido em flagrante por porte ilegal de arma. Neste caso, o juiz Luís Renato Martins de Almeida, de Fraiburgo, concedeu o benefício de liberdade provisória mediante pagamento de fiança de R$ 2 mil e algumas restrições de circulação. No entanto, ele continuará preso por pelo menos cinco dias por conta do mandado de prisão temporária cumprido pela Deic.

Colombo foi levado para a Unidade Prisional Avançada (UPA) de Videira. O advogado Gesceler Correa de Deus, que defende o vice-prefeito em um processo de improbidade administrativa em tramitação no Judiciário, não foi encontrado pela reportagem.

Leia as últimas notícias do DC

Colunistas