nsc

publicidade

Infraestrutura

Via Rápida de Criciúma é estadualizada

Compartilhe

Ânderson
Por Ânderson Silva
12/11/2019 - 12h27
Via Rápida de Criciúma (Foto: Secom / Divulgação)
Via Rápida de Criciúma (Foto: Secom / Divulgação)

A Via Rápida de Criciúma, inaugurada há quase dois anos, foi oficialmente estadualizada. No Diário Oficial do Estado (DOE) desta segunda-feira (11), o governo catarinense assumiu a administração do trecho e o incluiu no Plano Rodoviário Estadual (PRE). A rodovia liga a Avenida Centenário no bairro Próspera, em Criciúma, até a BR-101, na localidade Poço Oito, em Içara. Esse é o primeiro acesso duplicado até a rodovia federal, com investimento de mais de R$ 150 milhões.

A partir de agora, a manutenção e a fiscalização da rodovia passam a ser responsabilidades estaduais. Segundo o chefe da Casa Civil do Estado, Douglas Borba, a mudança era uma demanda dos municípios da região.

O trecho foi projetado para 22 mil veículos por dia, com 12,7 quilômetros de extensão e 17 viadutos. Além da Via Rápida, os acessos à BR eram as rodovias Luiz Rosso e Jorge Lacerda, além da 445 que passa por Içara, a mais utilizada até a abertura da Via Rápida.

Deixe seu comentário:

Ânderson Silva

Colunista

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

siga Ânderson Silva

Ânderson Silva

Colunista

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

siga Ânderson Silva

publicidade

publicidade

Mais colunistas

publicidade

publicidade