nsc
    nsc

    Hospital Marieta

    Justiça mantém preso homem que agrediu médico em Itajaí

    Compartilhe

    Dagmara
    Por Dagmara Spautz
    14/11/2019 - 18h34 - Atualizada em: 15/11/2019 - 13h53

    O homem de 45 anos que agrediu o médico Jean Griebeler no Hospital Marieta Konder Bornhausen, em Itajaí, passou por audiência de custódia nesta quinta-feira (14) à tarde. A Justiça determinou que ele permaneça detido em prisão preventiva.

    O médico passou por cirurgia de reconstrução facial, segundo informação do hospital, e passa bem. O agressor é praticante de artes marciais e acompanhava a mulher, que estava grávida de 40 semanas e em trabalho de parto.

    Para a Polícia Civil, a agressão teria sido motivada por "ciúme". O delegado Rodrigo Andrade disse que o homem não queria que a companheira fosse examinada sem que ele estivesse presente, e se irritou porque ela entrou sozinha na sala de exames.

    Leia mais

    Médico de Itajaí foi agredido ao atender mulher sem a presença do marido, diz polícia

    Médico faz cirurgia para reconstruir o rosto em Itajaí após ser agredido durante parto

    Agressão contra médico em Itajaí durante trabalho de parto teria sido motivada por ciúme

    Participe do meu canal do Telegram e receba tudo o que sai aqui no blog. É só procurar por Dagmara Spautz - NSC Total ou acessar o link: https://t.me/dagmaraspautz​​​

    Ainda não é assinante? Assine e tenha acesso ilimitado ao NSC Total, leia as edições digitais dos jornais e aproveite os descontos do Clube NSC.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas