nsc
    nsc

    Economia

    Novo caça da Força Aérea produzido na Suécia chegará ao Brasil por Santa Catarina

    Compartilhe

    Dagmara
    Por Dagmara Spautz
    17/09/2020 - 05h00 - Atualizada em: 17/09/2020 - 07h36
    Caça E-39 Gripen
    Caça E-39 Gripen (Foto: Divulgação SAAB)

    A Portonave, em Navegantes, se prepara para receber no fim de semana o primeiro caça E-39 Gripen, encomendado pela Força Aérea Brasileira (FAB) à empresa sueca SAAB. É a primeira entrega de um total de 36 aeronaves militares adquiridas pelo governo brasileiro em 2014 – uma compra de cerca de 4 bilhões de dólares.

    > Navios da Marinha construídos em Itajaí vão custar R$ 9 bilhões e terão alto poder de fogo

    O contrato foi firmado pela ex-presidente Dilma Rousseff, e prevê transferência de tecnologia entre a Suécia e o Brasil. O caça viajou da Suécia ao Brasil desmontado, em um navio cargueiro. De Navegantes, as peças seguirão para a cidade de Gavião Peixoto, no interior de São Paulo, em uma planta produtiva da Embraer, onde serão montados.

    > Invisíveis a radares com alto poder de fogo: veja como serão os navios construídos pela Marinha em Itajaí

    Caça E-39 Gripen
    Caça E-39 Gripen
    (Foto: )

    O avião que desembarcará em Navegantes foi entregue ao governo brasileiro há um ano, em setembro de 2019. Desde então, estava em fase de testes na Suécia. A expectativa é que os próximos caças sejam montados integralmente em território brasileiro, como parte do contrato e transferência de tecnologia.

    A encomenda de 36 aviões deve ser concluída até 2024. A Portonave não informou se receberá os próximos caças.

    Participe do meu canal do Telegram e receba tudo o que sai aqui no blog. É só procurar por Dagmara Spautz - NSC Total ou acessar o link: https://t.me/dagmaraspautz​

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas