nsc
    nsc

    Fatalidade

    Vídeo: raio atinge homem em Itapema

    Compartilhe

    Dagmara
    Por Dagmara Spautz
    05/10/2020 - 13h47 - Atualizada em: 05/10/2020 - 15h43
    Raio faz vítima fatal em Itapema
    Raio faz vítima fatal em Itapema (Foto: Reprodução)

    Imagens obtidas por uma câmera de monitoramento, que foram divulgadas nas redes sociais, mostram o momento em que um raio atinge a faixa de areia em Itapema, na última sexta-feira (3). O incidente resultou na morte do corretor de imóveis Fabrício Corrêa Gasparetto, 47 anos.

    > Homem morre ao ser atingido por raio quando corria na praia em Itapema

    > Identificado homem que morreu atingido por raio em praia de SC

    > Morte de homem atingido por raio em SC acende alerta para cuidados em dias de tempestades

    As cenas são fortes. Por isso, em respeito à vítima e aos leitores, as imagens foram parcialmente editadas. A autenticidade do vídeo foi confirmada pela prefeitura de Itapema, que analisou o local que aparece nas imagens. 

    O vídeo confirma que o raio que atingiu Fabrício foi possivelmente o primeiro de uma série de descargas elétricas que atingiram a região naquela noite. O corretor, que corria na praia, foi pego de surpresa.

    Situações como a que vitimou Fabrício são consideradas muito raras pelos especialistas – são uma fatalidade.

    A Rede Integrada Nacional de Detecção de Descargas Atmosféricas (Rindat)recomenda que se evite sair de casa em caso de temporal com descarga elétrica. Se não for possível, o ideal é procurar abrigo em áreas cobertas e protegidas.

    Os Bombeiros recomendam que as pessoas evitem permanecer nas praias em caso de incidência de raios. Surpreendido, Fabrício, provavelmente, não teve tempo para buscar se proteger.

    Participe do meu canal do Telegram e receba tudo o que sai aqui no blog. É só procurar por Dagmara Spautz - NSC Total ou acessar o link: https://t.me/dagmaraspautz​

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas