Navegue por

publicidade

Eduarda

Videira

Polícia investiga suspeita de sabotagem no abastecimento de água em Videira

Compartilhe

Por Eduarda Demeneck
09/11/2018 - 03h00 - Atualizada em: 09/11/2018 - 10h17
torneira
(Foto: )

A Polícia Civil e o Ministério Público estão investigando a suspeita de sabotagem no abastecimento de água na cidade de Videira. O possível boicote foi identificado esta semana por técnicos da Videira Saneamento (Visan), empresa responsável pelo fornecimento de água, no qual verificaram que um dos registros de descarga estava aberto, dificultando que água chegasse aos bairros mais altos. O crime teria sido cometido no Sistema 1 de distribuição, que compreende 20 localidades.  

Os técnicos observaram que o equipamento estava aberto há dias e quase toda água estava indo para o rio. Segundo a prefeitura, o que chama atenção é que para abrir esse registro é preciso ter uma chave própria e entender do sistema.

Exportações de Santa Catarina somam US$ 831,29 milhões em outubro

A Visan disse que esse não foi o primeiro caso de sabotagem. Imagens de câmeras de segurança foram solicitadas para tentar identificar os responsáveis pelo crime.  Há dois meses, nos bairros mais altos falta água quase todos os dias. O problema começou depois que a Casan entregou o serviço para o município. Um dos motivos também é o sistema operacional que segundo a prefeitura está precário, investimentos estão sendo feitos pra amenizar a situação.

 

Leia também:

O que esperar da Comissão de Ética da Alesc em 2019

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação