nsc
nsc

Novo curso

Projeto para formar criadores de softwares é lançado em SC

Compartilhe

Estela
Por Estela Benetti
19/10/2020 - 12h07 - Atualizada em: 19/10/2020 - 12h09
Projeto para formar criadores de softwares é lançado em Florianópolis
A Acate é apoiadora de novo programa para formação de programadores de sistemas (Foto: Acate, Divulgação)

A falta de profissionais qualificados é uma das maiores preocupações do setor de tecnologia de Santa Catarina, que vê obstáculos ainda maiores nessa área para o futuro. Por isso está sendo lançado nesta segunda-feira o projeto DEVinHouse, iniciativa do Senai/SC - entidade da Federação das Indústrias do Estado (Fiesc) - e da empresa Softplan, com apoio da Associação Catarinense de Tecnologia (Acate). O programa é totalmente on-line e visa formar programadores (desenvolvedores) de softwares em curso com duração de apenas nove meses.

O presidente da Acate, Iomani Engelmann, chama a atenção para as projeções de que o Brasil poderá enfrentar falta de 100 mil profissionais qualificados na área de tecnologia nos próximos quatro anos caso a formação de profissionais da área técnica não seja acelerada. O empresário tem chamado a atenção também de que a área de tecnologia é uma alternativa de mudança de carreira para quem não está colocado no mercado de trabalho ou para quem quer mudar.

A primeira turma do programa DEVinHause terá quarenta alunos, as aulas começarão em 16 de novembro e serão oferecidas bolsas de estudos para custear até 70% da mensalidade do curso. A Softplan adianta que poderá contratar 10 alunos a partir do sexto mês do curso. Conforme Iomani, o plano é continuar esse projeto para atender, no futuro, outras demandas específicas de empresas de SC.

O diretor de Educação e Tecnologia da Federação das Indústrias (Fiesc), Fabrizio Machado Pereira, afirma que o Senai é uma das instituições do Brasil que mais formam programadores para a área de tecnologia da informação. Lembra ainda que essa atividade de criação de software é uma das que mais oferecem vagas no setor de tecnologia não só no Brasil, mas também no mundo.

O plano da Softplan, com esse programa, é ampliar e tornar mais rápida a formação de pessoas para o setor, explica o diretor executivo da companhia, Moacir Marafon, que também é vice-presidente da Acate na área de talentos. O projeto visa formar um programador full stack (para todas as etapas de criação de software) em apenas nove meses. Os interessados em fazer o novo curso podem ser inscrever até o dia 10 de novembro no site http://devinhouse.sesisenai.org.br

Estela Benetti

Colunista

Estela Benetti

Especialista na economia de Santa Catarina, traduz as decisões mais relevantes do mercado, faz análises e antecipa tendências que afetam a vida de empresários, governos e consumidores.

siga Estela Benetti

Estela Benetti

Colunista

Estela Benetti

Especialista na economia de Santa Catarina, traduz as decisões mais relevantes do mercado, faz análises e antecipa tendências que afetam a vida de empresários, governos e consumidores.

siga Estela Benetti

Mais colunistas

    Mais colunistas