nsc
nsc

Crescimetno

Setor de serviços cresce 1,8% em outubro em Santa Catarina, informa IBGE

Compartilhe

Estela
Por Estela Benetti
11/12/2020 - 13h44 - Atualizada em: 11/12/2020 - 15h01
Sergiços profissionais puxam alta do setor
Serviços profissionais puxaram crescimento econômico em SC (Foto: Freepik, Divulgação)

A economia catarinense fechou o mês de outubro com crescimento de 1,8% do setor de serviços frente ao mês anterior, em volume, e teve alta de 2,5% na comparação com o mesmo mês de 2019. Mais uma vez, o desempenho de Santa Catarina foi acima da média nacional - o país teve alta de 1,7% em outubro frente a setembro, mas registrou -7,4% na comparação com o mesmo mês do ano passado. Os dados são da Pesquisa Mensal de Serviços (PMS) do IBGE, divulgada nesta sexta-feira (11).

> Comércio de SC cresce 0,2% em outubro; dados do IBGE mostram peso da inflação

O que puxou o desempenho catarinense em outubro, a exemplo de meses anteriores, foi o grupo de serviços profissionais administrativos e complementares, que cresceu 32,3% em outubro frente ao mesmo mês de 2019. O grupo de "outros serviços" teve alta de 1,2% em SC e os transportes e correios subiram 1,1%. Os serviços para as famílias, que incluem hotelaria e restaurantes, tiveram queda de 14,9% e os serviços de informações e comunicações recuaram 2,7%.

No longo prazo, os números de SC também são negativos, embora com retrações menores que as do Brasil. Entre janeiro e outubro, em volume de serviços, houve no Estado queda de 5,7% e, nos últimos 12 meses, recuo de 5,0%. Em receita nominal, SC cresceu 1,9% na passagem de setembro para outubro e frente ao mesmo mês do ano anterior avançou 3,4%.

O que está ajudando o setor de serviços de SC a alcançar resultado acima da média nacional são os outros setores econômicos, especialmente a indústria e o agronegócio. Com desempenhos positivos, eles aquecem os serviços diretamente e indiretamente em todo o estado.

> Mal-estar entre prefeitos e Moisés gera confusão sobre reunião que deve discutir compra de vacina da Covid

Turismo cresce 12,9%

As atividades turísticas tiveram ritmo mais acelerado de retomada. O Estado registrou alta de 12,9% em outubro frente ao mês anterior na série com ajuste sazonal, mas recuou 21,9% em relação ao mesmo mês do ano passado. No acumulado do ano, SC contabiliza a menor queda em turismo entre os estados pesquisados, de -30,8%.

A maior retração nas atividades turísticas de janeiro a outubro foi registrada no Distrito Federal, de -45,9%, enquanto a média nacional ficou em -38,2%. O Brasil, em outubro frente a setembro cresceu 7,1% e, na comparação com o mesmo mês de 2019 caiu 33,6%.

> Do Reino Unido à China, a expectativa de brasileiros no mundo pela vacina da Covid-19

> Apagão deixa parte de Balneário Camboriú sem luz durante inauguração da roda gigante; vídeo

Estela Benetti

Colunista

Estela Benetti

Especialista na economia de Santa Catarina, traduz as decisões mais relevantes do mercado, faz análises e antecipa tendências que afetam a vida de empresários, governos e consumidores.

siga Estela Benetti

Estela Benetti

Colunista

Estela Benetti

Especialista na economia de Santa Catarina, traduz as decisões mais relevantes do mercado, faz análises e antecipa tendências que afetam a vida de empresários, governos e consumidores.

siga Estela Benetti

Mais colunistas

    Mais colunistas