nsc
    nsc

    Avanços

    Setores de saúde e tecnologia de Santa Catarina se unem para desenvolver soluções

    Compartilhe

    Estela
    Por Estela Benetti
    22/10/2019 - 01h34 - Atualizada em: 22/10/2019 - 16h34
    O presidente da ACM, Ademar Paes Jr. que articula aproximação dos setores de saúde e TI. Foto: Estela Benetti
    O presidente da ACM, Ademar Paes Jr. que articula aproximação dos setores de saúde e TI. Foto: Estela Benetti

    A Associação Catarinense de Medicina (ACM) deu mais um passo importante de aproximação com ecossistema de tecnologia e inovação do Estado visando soluções que melhorem os serviços de saúde e reduzam custos. No Summit 2019, realizado quinta e sexta-feira pela entidade, em Florianópolis, 500 profissionais de saúde acompanharam palestras, feira de negócios e outras ações voltadas à tecnologia. O presidente da ACM, Ademar de Oliveira Paes Jr. disse que os objetivos foram atingidos. O evento contou com salas para debater soluções, debater problemas e um ambiente para criação de soluções.

    — Santa Catarina é uma referência do Brasil em resultados em saúde. Nós temos a maior expectativa de vida, a menor mortalidade infantil, centros de referência nas diversas especialidades e muitos médicos catarinenses são referência no Brasil e no exterior. Nós também temos aqui referências em ecossistema de inovação como a Fundação Certi, Parque Alfa, Acate, Sapiens Parque e muitas outras instituições e organizações. Não fazia sentido termos duas referências e elas estarem separadas. O que Summit está fazendo é unir duas forças em benefício da população. O objetivo é intensificar soluções, melhorar resultados e o mais importante, torná-los acessíveis às pessoas, tanto no sistema público, quanto no sistema privado – explica Ademar Jr.

    Entre as soluções prontas ou em fase de desenvolvimento que envolvem tecnologia e saúde, ele cita um sistema que usa inteligência artificial para avaliar processos judiciais contra operadoras e governos, software de Big Data para melhor estruturar e distribuir rede prestadora de serviços e sistemas que fazem rastreamento de doenças para elevar o número de diagnósticos e tratamentos.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas