nsc
    nsc

    Fenômeno raro

    Frio intenso traz chance de neve para áreas altas do Vale do Itajaí

    Compartilhe

    Evandro
    Por Evandro de Assis
    20/08/2020 - 13h10
    Há sete anos, Morro do Cachorro ficou coberto de neve
    Há sete anos, Morro do Cachorro ficou coberto de neve (Foto: Gilmar de Souza, BD, 23/7/2013)

    O encontro de ventos frios do Sul com a nebulosidade estacionada sobre Santa Catarina mantém a chance de neve em áreas altas do Vale do Itajaí nas próximas madrugadas. O fenômeno raro, registrado pela última vez em julho de 2013, tem alta probabilidade de ser observado na Serra e no Planalto Norte, mas não se descarta a ocorrência em picos da região.

    — Em pontos mais elevados, pode acontecer precipitação. Não de acumular no chão, mas é possível — afirma o doutor em Meteorologia Dirceu Severo, do Ceops/Furb.

    A temperatura em Blumenau já começou a cair. Conforme Severo, a mínima desta quinta-feira (20) deve ocorrer à noite. Nas primeiras horas de sexta-feira (21), há previsão de frio intenso para todo o Vale. Como neve não é algo que se observe com frequência na região, é difícil de prever onde pode acontecer.

    Quase certo é que deve nevar nos municípios ao Sul da Serra Catarinense, com probabilidade um pouco menor para o Planalto. Mas as condições do tempo são propícias, o que mantém a expectativa em Blumenau e região.

    Segundo o meteorologista do Grupo NSC, Leandro Puchalski, existe "alguma possibilidade" de neve no Alto Vale do Itajaí e cidades da Grande Florianópolis mais próximas da Serra entre a madrugada e o fim da tarde de sexta.

    De acordo com o AlertaBlu, a temperatura mínima de sexta-feira ficará entre 6 ºC e 8 ºC. O dia mais frio deve ser o sábado, com os termômetros marcando até 5 ºC.

    Neve histórica em Blumenau

    Em 2013, além de picos como os morros do Cachorro e do Spitzkopf, houve neve em Blumenau nos bairros Velha Grande, Passo Manso e no Morro do Macaco. O evento histórico cobriu de branco campos do Alto e Médio Vale. A mínima em Blumenau naquele 23 de julho dia foi de 1,4 ºC. No ano 2000, o Ceops também registrou neve no Morro do Cachorro.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas