Parte da reforma da Prainha, em Blumenau, voltou a ser inundada pelo Rio Itajaí-Açu nesta semana. A água cobriu o nível mais baixo da obra, onde estão em construção uma arquibancada, um deque e o píer para embarcações. Em maio, a enchente já havia causado prejuízos. A prefeitura decidiu rever o projeto para diminuir a recorrência dos alagamentos.

Continua depois da publicidade

​> Receba notícias de Blumenau e região direto no Whatsapp.

Conforme o engenheiro da Secretaria de Obras Anderson Vicentini, o novo projeto deve elevar a cota do píer de 1,5 metro para 2,5 metros, protegendo a estrutura com mais pedras. A futura área para embarcações ficará em altura parecida à do píer do Clube Náutico América, do outro lado do rio.

Em maio, postes entortaram ou foram levados pela correnteza, assim como parte da arquibancada e do aterro. Um dos mirantes, que fica no nível mais acima da Prainha, chegou a rachar.

Desde então, o trabalho na área próxima ao rio praticamente parou à espera da revisão do projeto. Como o estaqueamento do píer exige serviço especializado, que precisa ser agendado com semanas de antecedência, a perspectiva de retomada ainda é incerta.

Continua depois da publicidade

O Itajaí-Açu superou os 5,70 metros na madrugada de quinta-feira (11) e voltou a ocupar a área das obras. Eventuais estragos só poderão ser avaliados quando a água baixar outra vez.

Inauguração

Enquanto isso, o município avalia liberar a parte alta da Prainha antes do píer estar pronto, incluindo a concha acústica, pista de caminhada e mirantes. Esta parcela da reforma está 80% pronta. Segundo o secretário de Obras, Michael Maiochi, a meta é permitir o uso do espaço ainda em 2022:

— O que nós mais queremos é devolver a Prainha o mais rápido possível para a comunidade.

A reforma começou pra valer em fevereiro de 2020 e foi orçada em R$ 4,9 milhões. Em maio, um aditivo de R$ 1 milhão foi concedido à empreiteira Obramaster em caráter de revisão contratual. Com as mudanças, o valor final deve subir um pouco mais.

Receba textos e vídeos do colunista Evandro de Assis direto no WhatsApp. Basta clicar aqui.

Leia também

Bolsonaro veta devolução do dinheiro investido por SC em rodovias federais

Continua depois da publicidade

Blumenau muda regras em cemitérios após quase 800 mortes por Covid-19

Debate em Blumenau sobre as Eleições 2022 aborda fake news e democracia

Vereadores de Blumenau aprovam proibição à linguagem neutra em escolas

Destaques do NSC Total