O secretário de Turismo e Lazer de Blumenau, Marcelo Greuel (Podemos) recusou convite do governador Jorginho Mello (PL) para presidir a Santur. Na sexta-feira (13) passada, o blumenauense deslocou-se até a Casa d’Agronômica, na Capital, onde os dois conversaram por cerca de 40 minutos. Greuel explicou que os compromissos assumidos no governo de Mário Hildebrandt (Podemos) e questões pessoais o impediam de aceitar a proposta. O cargo segue vago.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Blumenau e região direto no Whatsapp

À coluna, o secretário disse que se sente responsável pelos eventos e projetos em andamento no Turismo e no Parque Vila Germânica:

— Não me senti confortável em deixar os compromissos aqui em Blumenau. Mas deixei claro ao governador que fiquei contente com a lembrança

Caso aceitasse, Greuel seria o primeiro nome de Blumenau num cargo de primeiro escalão no governo Jorginho. Até o momento, a secretária-adjunta de Estado da Educação, Patrícia Lueders, é a blumenauense em posto mais relevante no Executivo estadual. A exemplo de Greuel, ela também integrava a equipe da prefeitura de Blumenau.

Continua depois da publicidade

O convite de Jorginho ao secretário de Turismo não passou por articulação junto ao gabinete de Hildebrandt.

Receba textos e vídeos do colunista Evandro de Assis direto do Whatsapp

Leia também

Jorginho Mello marca visita a Rodeio e sobrevoo a áreas devastadas pela chuva

Governo Jorginho começa a preencher cargos do Estado em Blumenau

Blumenau e Rio do Sul ignoram a origem do barro que deixa cidades sem água

Obras em SC consideradas prioridade pelo governo Lula foram pagas pelo Estado

Destaques do NSC Total