nsc
nsc

Efeito da chuva

Trecho duplicado da BR-470 também precisa de tapa-buracos

Compartilhe

Evandro
Por Evandro de Assis
21/10/2021 - 09h36
Viadutos da Mafisa foram concluídos em agosto de 2020, mas asfalto antigo não foi recuperado
Viadutos da Mafisa foram concluídos em agosto de 2020, mas asfalto antigo não foi recuperado (Foto: Patrick Rodrigues)

Trechos já duplicados da BR-470 no Médio Vale do Itajaí também precisam de uma operação tapa-buracos após as chuvas desta primavera. O asfalto antigo na região do complexo da Mafisa está se desfazendo, a exemplo do que ocorre no Alto Vale do Itajaí. A diferença é que as máquinas já trabalham na região mais crítica, em Apiúna. Em Blumenau, não há solução à vista até 2022.

> Receba notícias de Blumenau e região direto no Whatsapp.

Ao longo dos 73 quilômetros de duplicação, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) tem restaurado o pavimento antigo da BR-470 tão logo as pistas novas podem ser abertas aos veículos. Na Mafisa, não. Mais de um ano depois da conclusão dos viadutos e a liberação das faixas recém-construídas, o sentido Litoral continua do mesmo jeito — na verdade, pior do que estava.

Crateras têm tamanho suficiente para estragar uma viagem
Crateras têm tamanho suficiente para estragar uma viagem
(Foto: )

Como é um trecho curto da rodovia, entre o posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e as obras no túnel da Rua Samuel Morse, na Fortaleza, a reconstrução das pistas velhas teve de esperar. Segundo o DNIT, o trabalho exige máquinas e um grande número de trabalhadores. Por isso, será preciso liberar um trajeto mais longo para executar o serviço. A previsão é o início do ano que vem.

O período de chuvas, que está só começando — e os R$ 300 milhões do governo de Santa Catarina adicionados ao orçamento das obras — sugerem urgência à questão.

Leia também

Motoristas anunciam "torneio de golfe" nos buracos da BR-470; chuva atrapalha obras

Campanha em Blumenau restaura bicicletas usadas para doar a crianças no Natal

Por que o sol está de mal com Blumenau neste mês de outubro

Blumenau tem 80 mil veículos com documentação irregular

Evandro de Assis

Colunista

Evandro de Assis

Notícias e comentários exclusivos sobre o cotidiano de Blumenau e do Vale do Itajaí.

siga Evandro de Assis

Evandro de Assis

Colunista

Evandro de Assis

Notícias e comentários exclusivos sobre o cotidiano de Blumenau e do Vale do Itajaí.

siga Evandro de Assis

Mais colunistas

    Mais colunistas